Marinha chinesa coloca outro navio de transporte semissubmersível em serviço (FOTO)

© Foto / Força Aérea Real da AustráliaDestróier de mísseis guiados de classe Luyang da Marinha do Exército de Libertação Popular (ELP) da China (à esquerda) e navio anfíbio de transporte de classe Yuzhao da Marinha do ELP chinês deixam o estreito de Torres e entram no mar de Coral em 18 de fevereiro de 2022
Destróier de mísseis guiados de classe Luyang da Marinha do Exército de Libertação Popular (ELP) da China (à esquerda) e navio anfíbio de transporte de classe Yuzhao da Marinha do ELP chinês deixam o estreito de Torres e entram no mar de Coral em 18 de fevereiro de 2022 - Sputnik Brasil, 1920, 25.05.2022
Nos siga noTelegram
Nas imagens transmitidas a embarcação é vista transportando um hovercraft Type 958.
De acordo com o Defense News, citando o site China Military Online, o Exército de Libertação Popular (ELP) chinês encomendou outro navio de transporte semissubmersível, o Yinmahu.
Imagens divulgadas pelo portal especializado em questões militares chinesas mostram a embarcação transportando um navio hovercraft Type 958.
De acordo com o China Military Online, o Yinmahu estava "ligado a um grupo de navios de desembarque da Marinha sob o Comando do Teatro do Sul do ELP". Isso sugere que foi atribuído a esse comando, tal como a maioria das unidades modernas da frota anfíbia da Marinha chinesa.
De acordo com a mídia americana, o Yinmahu tem um design semelhante a um navio de transporte semissubmersível do Comando Militar de Transporte Marítimo da Marinha dos EUA, além de detalhar que é externamente semelhante ao Donghaidao, o primeiro navio de sua classe incorporado ao ELP em 2015.
A designação oficial do novo navio é desconhecida neste momento, mas o Escritório de Inteligência Naval da Marinha dos EUA o chama de "classe Hansa Sonderberg modificada", porque seu design se origina de uma classe de navio civil com nome semelhante.
Sunmarino nuclear USS Connecticut (SSN-22) (imagem referencial) - Sputnik Brasil, 1920, 25.05.2022
Panorama internacional
Relatório: submarino dos EUA podia ter evitado acidente no mar do Sul da China em outubro de 2021
A embarcação, com 175,5 metros de comprimento e capacidade para transportar até 20.000 toneladas, seria destinada ao transporte de hovercrafts de desembarque ou outros veículos anfíbios para os atracar ou lançar de seus costados para realizar operações quando não houver instalações portuárias.
Na semana passada, um especialista assegurou que, em meio ao conflito armado que ocorre na Ucrânia, a China reativou a construção de navios militares para estar preparada para qualquer eventual desenvolvimento da situação em Taiwan.
Feed de notícias
0
Para participar da discussão
inicie sessão ou cadastre-se
loader
Bate-papos
Заголовок открываемого материала