Membros da comitiva de uma delegação em frente da sede das Nações Unidas durante a 76ª sessão da Assembleia Geral da ONU em Nova York, 21 de setembro de 2021 - Sputnik Brasil, 1920, 09.11.2021
Panorama internacional
Notícias sobre eventos de todo o mundo. Siga informado sobre tudo o que se passa em diferentes regiões do planeta.

Austrália diz que status de 'ambiguidade estratégica' sobre Taiwan não mudou após afirmação de Biden

© AFP 2022 / Saul LoebO presidente dos EUA, Joe Biden (R) e o primeiro-ministro australiano, Anthony Albanese, realizam uma reunião durante a Cúpula de Quad Leaders em Kantei, em Tóquio, em 24 de maio de 2022
O presidente dos EUA, Joe Biden (R) e o primeiro-ministro australiano, Anthony Albanese, realizam uma reunião durante a Cúpula de Quad Leaders em Kantei, em Tóquio, em 24 de maio de 2022 - Sputnik Brasil, 1920, 24.05.2022
Nos siga noTelegram
Governo do primeiro-ministro australiano, Anthony Albanese, diz que o posicionamento de Camberra diante da questão territorial da ilha não foi alterada mesmo com fala de Joe Biden.
Discursando em uma coletiva de imprensa após a cúpula dos líderes do Quad na segunda-feira (23), o premiê australiano, Anthony Albanese, deixou claro que a posição de Camberra de "ambiguidade estratégica" sobre Taiwan permanece inalterada mesmo com a recente declaração do presidente dos EUA, Joe Biden, de que Washington se envolveria militarmente se Pequim atacar a ilha.
Segundo Albanese, "não deve haver mudança unilateral no status quo" e que a posição da Austrália "não foi alterada". A declaração do premiê veio logo após Biden dizer "sim" quando perguntado ontem (23) por um repórter se os EUA interviriam militarmente se a China tentasse tomar Taiwan à força.
Os assessores de Biden rapidamente minimizaram o comentário do presidente, confirmando que não houve mudança na política dos EUA de "ambiguidade estratégica" em relação à ilha.
Navio de guerra da China participa de exercício Aman no mar Arábico, ao largo de Karachi, Paquistão, 15 de fevereiro de 2021 - Sputnik Brasil, 1920, 13.05.2022
Panorama internacional
Austrália afirma que navio chinês navegou perto de base naval 'secreta' que ajuda submarinos dos EUA
Depois da declaração do democrata, Pequim de pronunciou e pediu para que o mandatário pense "duas vezes" antes de tocar no assunto uma vez que Taiwan faz parte do território chinês, e caberá à China "tomar medidas para defender sua soberania e interesses de segurança".
Feed de notícias
0
Para participar da discussão
inicie sessão ou cadastre-se
loader
Bate-papos
Заголовок открываемого материала