Membros da comitiva de uma delegação em frente da sede das Nações Unidas durante a 76ª sessão da Assembleia Geral da ONU em Nova York, 21 de setembro de 2021 - Sputnik Brasil, 1920, 09.11.2021
Panorama internacional
Notícias sobre eventos de todo o mundo. Siga informado sobre tudo o que se passa em diferentes regiões do planeta.

Alemanha se prepara para medidas de emergência duras caso falte gás russo, relata Bloomberg

© AFP 2022 / INA FASSBENDERTubos na Open Gride Europe (OGE), uma das maiores operadoras de sistemas de transmissão de gás europeias, Werne, Alemanha
Tubos na Open Gride Europe (OGE), uma das maiores operadoras de sistemas de transmissão de gás europeias, Werne, Alemanha - Sputnik Brasil, 1920, 24.05.2022
Nos siga noTelegram
O ministro da Economia alemão, Robert Habeck, apresentará um decreto emergencial que permite ao governo lançar de novo usinas termelétricas de carvão e óleo combustível caso o gás natural falte, informa a agência Bloomberg.

"Tal pedido para produção adicional da energia elétrica de carvão aparece apenas na situação da falta de gás ou ante ameaça e necessidade de reduzir o consumo durante a produção de eletricidade", diz o trecho do projeto de lei respectivo.

Conforme nota a agência, a Alemanha está disposta a sacrificar a política verde e aumentar as emissões de carbono ao meio ambiente, se isso permitir prover à população e à produção um fornecimento de energia ininterrupto. A capacidade do equipamento energético conservado que a Alemanha tem é de cerca de seis gigawatts.
Assim, a empresa energética alemã Uniper já anunciou sua prontidão de prover até três GW da energia de carvão, enquanto a RWE AG decide quais usinas podem retomar o trabalho. Mesmo assim, nota o veículo, quase 70% do carvão para a produção da eletricidade são comprados pela Europa na Rússia, sendo a Alemanha uma das principais compradoras.
Estação de transporte de gás de Krasnodar, Rússia (foto de arquivo) - Sputnik Brasil, 1920, 20.05.2022
Panorama internacional
Alemanha e Itália dão sinal verde para compra de gás russo com pagamento em rublos
Logo após o início da operação especial russa na Ucrânia, as autoridades da Alemanha articularam a intenção de reduzir no futuro próximo sua dependência das entregas da energia russa. Berlim planeja até o final deste ano abrir mão da importação de carvão e petróleo, e até meados de 2024 – do gás. A alternativa ao combustível russo, na opinião das autoridades alemães, pode ser o GNL do Catar, dos EUA e de outros países.
Feed de notícias
0
Para participar da discussão
inicie sessão ou cadastre-se
loader
Bate-papos
Заголовок открываемого материала