Ministro da Defesa: com aumento de ameaças no ocidente, Rússia criará 12 novas unidades militares

© Sputnik / Ministério da Defesa da Rússia / Abrir o banco de imagensSistemas de mísseis S-300 durante exercício de defesa aérea do Distrito Militar Ocidental
Sistemas de mísseis S-300 durante exercício de defesa aérea do Distrito Militar Ocidental - Sputnik Brasil, 1920, 20.05.2022
Nos siga noTelegram
A situação da direção estratégica ocidental é caracterizada por um aumento de ameaças militares perto das fronteiras russas, informou nesta sexta-feira (20) o ministro da Defesa da Rússia, general de exército Sergei Shoigu.
"Nos últimos oito anos, a intensidade dos voos de bombardeiros estratégicos dos EUA na Europa aumentou em 15 vezes (de três para 45 voos por ano). Navios americanos com mísseis guiados têm feito visitas sistemáticas ao mar Báltico", disse o ministro no Conselho do Ministério da Defesa.
Somente neste ano, perto da região russa de Kaliningrado navios de guerra dos EUA equipados com mísseis guiados "realizaram seis missões com saída para as áreas previstas de lançamento de mísseis de cruzeiro, desde 2016 o sistema de controle objetivo revelou 24 eventos desta natureza", detalhou o general.
Shoigu acrescentou que simultaneamente os EUA e a OTAN estão aumentando a escala do treinamento operacional e de combate perto das fronteiras da Rússia.
"Atualmente, está sendo realizada a série de exercícios Defender-Europe com a participação de até 40 mil militares de 30 países do bloco. A principal característica das manobras é a transferência de uma divisão completa dos Estados Unidos para o continente europeu, bem como o desdobramento do agrupamento de tropas em três direções estratégicas: no Ártico, oeste e sudoeste", disse ministro da Defesa.
O ministro da Defesa da Finlândia, Antti Kaikkonen, fala à imprensa antes do conselho de ministros das Relações Exteriores e da Defesa da UE no edifício Europa em Bruxelas, 21 de março de 2022 - Sputnik Brasil, 1920, 18.05.2022
Panorama internacional
Finlândia e Suécia comprarão em conjunto armas de fogo e antitanque, anuncia Defesa finlandesa
Shoigu informou que, a fim de responder à ameaça, perto das fronteiras ocidentais russas até o final de 2022 serão criadas 12 novas unidades militares no Distrito Militar Ocidental.
Ele recordou que os países vizinhos mais próximos – Finlândia e Suécia – se candidataram à OTAN. "Desta forma, as tensões continuam a crescer na área de responsabilidade do Distrito Militar Ocidental", concluiu ministro.
Feed de notícias
0
Para participar da discussão
inicie sessão ou cadastre-se
loader
Bate-papos
Заголовок открываемого материала