Membros da comitiva de uma delegação em frente da sede das Nações Unidas durante a 76ª sessão da Assembleia Geral da ONU em Nova York, 21 de setembro de 2021 - Sputnik Brasil, 1920, 09.11.2021
Panorama internacional
Notícias sobre eventos de todo o mundo. Siga informado sobre tudo o que se passa em diferentes regiões do planeta.

Bolsonaro ironiza observadores internacionais nas eleições: 'Vão ter acesso ao código-fonte?'

© Foto / Valter Campanato/Agência Brasil Cerimônia de diplomação do presidente eleito, Jair Bolsonaro, no Tribunal Superior Eleitoral (TSE).
Cerimônia de diplomação do presidente eleito, Jair Bolsonaro, no Tribunal Superior Eleitoral (TSE). - Sputnik Brasil, 1920, 19.05.2022
Nos siga noTelegram
Para o presidente Jair Bolsonaro, não há necessidade de integrantes de governos estrangeiros participarem do processo eleitoral do Brasil.
Durante a sua transmissão on-line semanal, nesta quinta-feira (19), Jair Bolsonaro (PL) questionou a fala do presidente do Tribunal Superior Eleitoral (TSE), Edson Fachin, sobre os cerca de 100 observadores internacionais que podem acompanhar o andamento das eleições.
Para o chefe de Estado brasileiro, não há necessidade de integrantes de governos internacionais participarem do processo eleitoral, "porque o país é um dos únicos do mundo a utilizar urna eletrônica".
"Pode botar um milhão de observadores. Vão observar o quê? Vão ter acesso ao código-fonte? Vão entrar em uma sala secreta para acompanhar a apuração? Qual conhecimento deles em informática?", questionou Bolsonaro.
 Palavras do Ministro das Relações Exteriores, Embaixador Carlos França, 2 de fevereiro de 2022 - Sputnik Brasil, 1920, 18.05.2022
Notícias do Brasil
Carlos França diz que viu 'com estranheza' anuncio do TSE sobre observadores da UE nas eleições
Na última terça-feira (17) Fachin disse que a meta é ter mais de "100 observadores internacionais durante o processo eleitoral no Brasil".
O presidente do TSE citou ainda a criação de uma rede para garantir a presença de "diversas" autoridades do mundo inteiro no Brasil.
Na lista, estão a Organização dos Estados Americanos (OEA), o Parlamento do Mercosul, a Rede Eleitoral da Comunidade dos Países de Língua Portuguesa (CPLP), a União Interamericana de Organismos Eleitorais (Uniore), o Centro Carter, a Fundação Internacional para Sistemas Eleitorais (Ifes) e a Rede Mundial de Justiça Eleitoral.
Ao longo de sua transmissão, Bolsonaro voltou a enfatizar que é necessário discutir a segurança nas urnas eletrônicas e ironizou: "Discutir a urna é um crime".
© Folhapress / Pedro LadeiraO ministro Luiz Edson Fachin, novo presidente do TSE (Tribunal Superior Eleitoral) em 23 de fevereiro de 2022.
O ministro Luiz Edson Fachin, novo presidente do TSE (Tribunal Superior Eleitoral) em 23 de fevereiro de 2022 - Sputnik Brasil, 1920, 19.05.2022
O ministro Luiz Edson Fachin, novo presidente do TSE (Tribunal Superior Eleitoral) em 23 de fevereiro de 2022.. Foto de arquivo
Feed de notícias
0
Para participar da discussão
inicie sessão ou cadastre-se
loader
Bate-papos
Заголовок открываемого материала