Membros da comitiva de uma delegação em frente da sede das Nações Unidas durante a 76ª sessão da Assembleia Geral da ONU em Nova York, 21 de setembro de 2021 - Sputnik Brasil, 1920, 09.11.2021
Panorama internacional
Notícias sobre eventos de todo o mundo. Siga informado sobre tudo o que se passa em diferentes regiões do planeta.

UE permite a empresas pagar pelo gás russo com contas na Rússia sem violar sanções, diz Bloomberg

© AFP 2022 / Natalia KolesnikovaLogotipo da empresa estatal Gazprom em posto de gasolina de Moscou, Rússia, 11 de maio de 2022.
Logotipo da empresa estatal Gazprom em posto de gasolina de Moscou, Rússia, 11 de maio de 2022. - Sputnik Brasil, 1920, 17.05.2022
Nos siga noTelegram
Mídia revelou que a União Europeia criou um mecanismo para continuar importando gás da Rússia, que diz não violar as recentes sanções impostas ao país.
Novas diretrizes da União Europeia (UE) revelam que ela "suavizou sua postura" sobre a importação de gás natural da Rússia, relatou na segunda-feira (16) a agência norte-americana Bloomberg.
Segundo a Bloomberg, os novos regulamentos permitem que dezenas de empresas europeias, que abriram contas no Gazprombank nas últimas semanas, continuem fazendo negócios com a empresa russa, o que marca uma grande virada da insistência anterior da UE de que qualquer pagamento feito através de tal mecanismo violaria as sanções antirrussas.
As novas diretrizes "não impedem os operadores econômicos de abrir uma conta bancária em um banco designado para pagamentos devidos sob contratos de fornecimento de gás natural em estado gasoso, na moeda especificada nesses contratos", mas estipulam que "os operadores devem fazer uma declaração clara de que pretendem cumprir suas obrigações sob contratos existentes e considerar suas obrigações contratuais com relação ao pagamento já cumprido, pagando em euros ou dólares, em linha com os contratos existentes".
A inscrição em uma placa diz 'Uwaga gaz' (gás de atenção) no ponto de transmissão de gás em Rembelszczyzna, perto de Varsóvia, em 27 de abril de 2022. - Sputnik Brasil, 1920, 16.05.2022
Panorama internacional
UE projeta sanções sobre combustíveis russos mas deixa abrir contas em rublo, diz mídia
Isso implica que a Europa pretende deixar para a Rússia a conversão de euros ou dólares em rublos exigida pelos novos regulamentos russos implementados em resposta às sanções econômicas ocidentais.
A gigante italiana energética Eni SpA expressou a intenção de abrir contas tanto em rublos quanto em euros com o Gazprombank até quarta-feira (16) para manter o fornecimento de gás, o mesmo acontecendo com a Uniper SE, da Alemanha, e a OMV AG, da Áustria.
Em declarações à Sputnik, o economista Jack Rasmus citou a escassez de navios modernos de gás natural liquefeito (GNL), a falta de portos de águas profundas na Europa necessários para acomodá-los e temores pela Rede Nacional do Reino Unido de que poderá ser sobrecarregada por suprimentos destinados à Europa como razões para acreditar que atualmente "não há nenhuma maneira de aumentar o fluxo de gás".
Rasmus concluiu que "ao contrário do petróleo russo, eles [a Europa] não conseguem encontrar fontes alternativas para o gás russo". Assim, a UE pode deixar de importar petróleo a partir do final de 2022, mas o gás russo continuará sendo imprescindível nos próximos "dois a cinco" anos.
Feed de notícias
0
Para participar da discussão
inicie sessão ou cadastre-se
loader
Bate-papos
Заголовок открываемого материала