Membros da comitiva de uma delegação em frente da sede das Nações Unidas durante a 76ª sessão da Assembleia Geral da ONU em Nova York, 21 de setembro de 2021 - Sputnik Brasil, 1920, 09.11.2021
Panorama internacional
Notícias sobre eventos de todo o mundo. Siga informado sobre tudo o que se passa em diferentes regiões do planeta.

Donetsk anuncia estatização de bancos ucranianos em seu território

© Sputnik / Sergei Averin / Abrir o banco de imagensLíder da RPL, Leonid Pasechnik (à esquerda), e o líder da RPD, Denis Pushilin (à direita), durante o fórum, em Donetsk
Líder da RPL, Leonid Pasechnik (à esquerda), e o líder da RPD, Denis Pushilin (à direita), durante o fórum, em Donetsk - Sputnik Brasil, 1920, 14.05.2022
Nos siga noTelegram
O Comitê de Defesa do Estado da República Popular de Donetsk (RPD), por meio de um decreto, assinado neste sábado (14), determinou a estatização de bancos ucranianos em seu território.
O Decreto, nº 59 de 14 de maio de 2022, foi publicado pelo líder da RPD, Denis Pushilin, que também é o presidente da Comissão de Defesa do Estado.
Segundo o documento, os bancos localizados na república popular passam imediatamente para o poder da RPD no ato de publicação do decreto.
Mais cedo, neste sábado, em uma medida antirrussa, o presidente ucraniano Vladimir Zelensky sancionou uma lei que proíbe partidos que são "anti-ucranianos por natureza" e cujas atividades visam minar a soberania e a integridade territorial da Ucrânia, com o objetivo de coibir organizações que sejam contrárias às políticas de Kiev. As informações foram divulgadas pela agência de notícias Strana.ua neste sábado (14).
O projeto de lei havia sido aprovado pelo Parlamento ucraniano em 3 de maio. O texto proíbe atividades dos seguintes partidos: Plataforma de Oposição - Pela Vida; Partido de Shariy; Nashi; Bloco de Oposição; Oposição de Esquerda; União de Forças de Esquerda; Derzhava; Partido Socialista Progressivo da Ucrânia; e Partido Socialista da Ucrânia.
A bandeira suíça é vista atrás da logo do gigante bancário suíço UBS em Basileia, 11 de junho de 2013 - Sputnik Brasil, 1920, 14.05.2022
Panorama internacional
Bancos suíços descongelam US$ 3,4 bilhões em ativos russos sancionados
A Rússia iniciou a operação especial, em 24 de fevereiro, com o objetivo de "desmilitarizar" e "desnazificar" a Ucrânia, após pedido de ajuda das repúblicas populares de Donetsk (RPD) e Lugansk (RPL) para combater ataques de tropas ucranianas.
A missão, segundo o Ministério da Defesa russo, tem como alvo apenas a infraestrutura militar da Ucrânia.
Além disso, as Forças Armadas da Rússia têm acusado militares ucranianos de usar "métodos terroristas" nos combates, como fazer civis de "escudo humano" e se alojar em construções não militares.
Sergei Lavrov, ministro das Relações Exteriores russo, participa de reunião diplomática em Moscou, Rússia, foto publicada em 4 de abril de 2022 - Sputnik Brasil, 1920, 14.05.2022
Panorama internacional
'Cultura do cancelamento': Ocidente corrói reputação com sanções contra ativos de países, diz Lavrov
Feed de notícias
0
Para participar da discussão
inicie sessão ou cadastre-se
loader
Bate-papos
Заголовок открываемого материала