Trabalhador da saúde segura seringa em ponto de vacinação contra a COVID-19 em loja de departamentos GUM de Moscou, Rússia - Sputnik Brasil, 1920, 09.11.2021
Propagação e combate à COVID-19
Informações atuais sobre a dissimilação de coronavírus no Brasil e no mundo. Fique por dentro das principais notícias sobre o tema.

'Maior choque desde a fundação da república', diz Kim Jong-un sobre surto de COVID-19

© AP Photo / Lee Jin-manTela de TV exibe um programa de notícias com o líder norte-coreano Kim Jong-un, em uma estação de trem em Seul, na Coreia do Sul, em 12 de maio de 2022
Tela de TV exibe um programa de notícias com o líder norte-coreano Kim Jong-un, em uma estação de trem em Seul, na Coreia do Sul, em 12 de maio de 2022 - Sputnik Brasil, 1920, 13.05.2022
Nos siga noTelegram
O líder norte-coreano, Kim Jong-un, afirmou que o país está enfrentando o maior choque desde a fundação da república devido ao surto de COVID-19.
De acordo com informações da Agência Central de Notícias da Coreia (KCNA, na sigla em inglês), 21 pessoas morreram nesta sexta-feira (13) em decorrência da doença.
Além disso, o país registrou mais 17.400 pacientes com febre e possivelmente com COVID-19 em um dia.
Na última quinta-feira (12), a Coreia do Norte anunciou o registro do primeiro caso de COVID-19 confirmado no país, e determinou situação de "emergência máxima", segundo a agência de notícias sul-coreana Yonhap, citando a mídia estatal KCNA.
De acordo com a agência, as autoridades verificaram que as amostras coletadas de pacientes com febre em Pyongyang, no último domingo (8), eram idênticas às da variante Ômicron.
Ao declarar a situação de emergência, durante reunião do Comitê Central do Partido dos Trabalhadores da Coreia, o líder norte-coreano Kim Jong-un prometeu que o país vai superar a "crise repentina".
"Em todos os municípios e cidades do país, devemos fechar ao máximo os caminhos contra a propagação do vírus maligno. Vamos superar a crise repentina e certamente vencer a luta contra o vírus", disse Kim, de acordo com a Yonhap.
© AP Photo / KRTO presidente norte-coreano, Kim Jong-un, usa uma máscara de proteção durante encontro, após a descoberta de um surto de COVID-19 na capital Pyongyang, na Coreia do Norte, em 12 de maio de 2022
O presidente norte-coreano, Kim Jong-un, usa uma máscara de proteção durante encontro, após a descoberta de um surto de COVID-19 na capital Pyongyang, Coreia do Norte, 12 de maio de 2022 - Sputnik Brasil, 1920, 13.05.2022
O presidente norte-coreano, Kim Jong-un, usa uma máscara de proteção durante encontro, após a descoberta de um surto de COVID-19 na capital Pyongyang, na Coreia do Norte, em 12 de maio de 2022
O porta-voz do Ministério das Relações Exteriores da China, Zhao Lijian, garantiu que o país não medirá esforços para apoiar a vizinha Coreia do Norte na batalha contra o surto.

"Como camarada da República Popular Democrática da Coreia [RPDC], país vizinho e amigo, a China está pronta para qualquer coisa para apoiar e assistir à RPDC na luta contra o vírus", disse Zhao.

Novo presidente da Coreia do Sul, Yoon Suk-yeol, durante cerimônia de posse, Seul, 10 de maio de 2022 - Sputnik Brasil, 1920, 10.05.2022
Panorama internacional
Coreia do Sul ajudará economia norte-coreana se país se desnuclearizar, diz novo presidente
Feed de notícias
0
Para participar da discussão
inicie sessão ou cadastre-se
loader
Bate-papos
Заголовок открываемого материала