- Sputnik Brasil, 1920
Notícias do Brasil
Notícias sobre política, economia e sociedade do Brasil. Entrevistas e análises de especialistas sobre assuntos que importam ao país.

Na OMC, Brasil propõe criação de corredores de alimento e fertilizante pelo mundo para reduzir crise

© Foto / Alan Santos / Palácio do Planalto / CCBY 2.0Jair Bolsonaro em audiência com a diretora-geral da Organização Mundial do Comércio, Ngozi Okonjo-Iweala, 18 de abril de 2022
Jair Bolsonaro em audiência com a diretora-geral da Organização Mundial do Comércio, Ngozi Okonjo-Iweala, 18 de abril de 2022 - Sputnik Brasil, 1920, 09.05.2022
Nos siga noTelegram
Brasília já estaria articulando com países latino-americanos e africanos o desenvolvimento de corredores de emergência a fim de garantir circulação de alimentos e fertilizantes no combate à fome.
Em programa sinalizado nesta segunda-feira (9) na OMC pelo Brasil – o qual será apresentado em uma conferência ministerial da entidade em junho – o Itamaraty propôs um acordo global que permita a criação de corredores de alimentos e fertilizantes, impedindo que a crise ucraniana ou as sanções contra a Rússia abalem os mercados e o abastecimento agrícola.

"A conferência ministerial deve dedicar atenção especial a esta questão e o Brasil gostaria de propor uma iniciativa específica para garantir o acesso a fertilizantes. É, ninguém o ignora, uma questão complexa e multifacetada. Ela exigirá estreita cooperação entre as agências governamentais e entre as organizações internacionais. Trata-se de uma tarefa complexa, mas indispensável", disse o órgão brasileiro.

De acordo com a coluna de Jamil Chade no UOL, o temor do MRE brasileiro é que a prolongação da guerra se transforme em prejuízos para as exportações agrícolas do país, enquanto o risco da fome volta ao debate internacional. "A segurança alimentar será a questão mais premente na conferência ministerial", disse o Itamaraty em uma reunião em Genebra.
Jair Bolsonaro em audiência com a diretora-geral da Organização Mundial do Comércio, Ngozi Okonjo-Iweala, 18 de abril de 2022 - Sputnik Brasil, 1920, 19.04.2022
Notícias do Brasil
Em Brasília, diretora-geral da OMC diz que 'mundo não sobrevive sem agricultura brasileira'
A delegação destacou que uma dimensão central da solução para a "questão da segurança alimentar é garantir que os insumos necessários para preparar as colheitas do próximo ano estarão disponíveis para os produtores".
"Este ano, a crise alimentar se manifesta essencialmente sob o pretexto do aumento dos preços. Na ausência de um abastecimento oportuno para os insumos, como fertilizantes, é o próprio fornecimento mundial de alimentos que estará em risco a partir do próximo ano", alertou.
Segundo o Itamaraty, o Brasil já começou a explorar com os países afetados pela crise alimentar, particularmente os mais pobres, o estabelecimento de "corredores de emergência para garantir a circulação de alimentos e fertilizantes". O jornalista apurou que as conversas ocorreram com países africanos e latino-americanos.
De acordo com a mídia, o Brasil deve ser representando no evento pelo chanceler Carlos França.
Feed de notícias
0
Para participar da discussão
inicie sessão ou cadastre-se
loader
Bate-papos
Заголовок открываемого материала