Pessoas usando máscaras de proteção caminham por rua em Paris, França, 27 de maio de 2021 - Sputnik Brasil, 1920, 09.11.2021
Sociedade e cotidiano
As principais notícias, reportagens e artigos sobre sociedade e a rotina cotidiana.

Telescópio da NASA revela estrela companheira que sobreviveu à explosão de uma supernova

© Foto / NASA / CXC / M.WeissIlustração de explosão de supernova
Ilustração de explosão de supernova - Sputnik Brasil, 1920, 07.05.2022
Nos siga noTelegram
O telescópio espacial Hubble da NASA descobriu uma "testemunha" da morte de uma estrela. Trata-se de outra estrela próxima que estava escondida pelo brilho da explosão estelar e que sobreviveu à morte explosiva de sua parceira que,ocorreu em forma de supernova, uma grande explosão que acontece quando uma estrela massiva esgota seu combustível.
Estas explosões são as maiores que os astrônomos já registaram no Universo. Pesquisa aponta que este é um primeiro astro companheiro que os astrônomos encontram no estudo de um tipo particular de supernova.
Neste caso particular, a estrela que explodiu foi despojada de toda a sua camada exterior de hidrogênio antes da explosão, aponta a NASA.
Durante observações anteriores da supernova em questão, denominada de 2013ge situada na galáxia NGC 3287, o telescópio espacial Hubble detectou dois picos de luz ultravioleta, um fenômeno incomum na maioria das supernovas.
Foi este fato que levou os cientistas a pensar que poderia haver outro objeto perto, segundo estudo publicado na revista Astrophysical Journal Letters.
© Foto / Observatório Internacional Gemini / NOIRLab / NSF/AURA / J. da SilvaRepresentação artística de uma supernova em colapso gerando emissão curta de raios gama
Representação artística de uma supernova em colapso gerando emissão curta de raios gama - Sputnik Brasil, 1920, 07.05.2022
Representação artística de uma supernova em colapso gerando emissão curta de raios gama
A causa da perda de hidrogênio tem sido um mistério até agora, e os astrônomos têm usado o telescópio Hubble da NASA/ESA para procurar pistas e provar teorias que explicassem este tipo de supernovas.
As novas observações do Hubble fornecem a melhor evidência até agora para sustentar a teoria de que uma estrela companheira invisível extrai a camada de gás de sua estrela vizinha antes de explodir.
"Este foi o momento que estávamos esperando. Finalmente vimos a evidência de um sistema binário progenitor de uma supernova completamente desnudada", disse Ori Fox, astrônomo do Instituto de Ciências do Telescópio Espacial em Baltimore, Maryland.
Feed de notícias
0
Para participar da discussão
inicie sessão ou cadastre-se
loader
Bate-papos
Заголовок открываемого материала