Membros da comitiva de uma delegação em frente da sede das Nações Unidas durante a 76ª sessão da Assembleia Geral da ONU em Nova York, 21 de setembro de 2021 - Sputnik Brasil, 1920, 09.11.2021
Panorama internacional
Notícias sobre eventos de todo o mundo. Siga informado sobre tudo o que se passa em diferentes regiões do planeta.

Japão e Reino Unido assinam pacto de defesa anti-China enquanto Tóquio divulga sanções contra Rússia

© AP Photo / Matt DunhamO primeiro-ministro britânico Boris Johnson, à esquerda, aperta a mão do primeiro-ministro japonês Fumio Kishida antes de sua reunião na 10 Downing Street em Londres, 5 de maio de 2022
O primeiro-ministro britânico Boris Johnson, à esquerda, aperta a mão do primeiro-ministro japonês Fumio Kishida antes de sua reunião na 10 Downing Street em Londres, 5 de maio de 2022 - Sputnik Brasil, 1920, 06.05.2022
Nos siga noTelegram
A duas nações também anunciaram exercícios conjuntos e maior cooperação em trabalho para alívio de desastres. O acordo é o primeiro desse tipo entre o Japão e um país europeu.
Concluindo uma turnê por cinco países, o primeiro-ministro japonês, Fumio Kishida, chegou a Londres na quinta-feira (5) para desenvolver relações comerciais e militares com o Reino Unido, redigindo um novo pacto anti-Rússia e pedindo aos investidores britânicos que coloquem seu dinheiro no Japão.
Assim como o acordo Reino Unido-Austrália, o pacto Reino Unido-Japão visa conter a China. No entanto, este pacto também visa Moscou, com Kishida fazendo a comparação equivocada, entretanto agora comum, entre Ucrânia e Taiwan.

"A Ucrânia pode ser o Leste Asiático de amanhã. A agressão da Rússia não é um problema apenas para a Europa. A ordem internacional que abrange o Indo-Pacífico está em jogo", declarou o premiê após reunião com Boris Johson.

O primeiro-ministro japonês também anunciou novas sanções contra Moscou abrangendo mais bancos, importações de cerca de 70 entidades militares e a proibição de exportar certas tecnologias avançadas, como computadores quânticos. Tóquio também sancionará outros 140 indivíduos cujos bens serão congelados.
Ao mesmo tempo, as duas nações anunciaram exercícios conjuntos e aumentaram o trabalho conjunto para alívio de desastres. O acordo é o primeiro desse tipo entre o Japão e um país europeu, segundo a BBC.
Treinamento militar entre as Marinhas japonesa e norte-americana foi realizado no Japão, no dia 15 de março de 2022 - Sputnik Brasil, 1920, 04.05.2022
Panorama internacional
Relatório encomendado pelo Pentágono recomenda que EUA armem Japão contra China
O comércio entre Tóquio e Londres também foi tema do encontro de Kishida com Johnson. Espera-se que Londres se junte à Parceria Transpacífica (TPP, na sigla em inglês) em breve, e a autoridade japonesa disse que os dois pressionariam Washington a retornar ao pacto comercial.
Sob o ex-presidente dos EUA, Donald Trump, os EUA se retiraram do TPP antes que ele pudesse entrar em vigor.
Feed de notícias
0
Para participar da discussão
inicie sessão ou cadastre-se
loader
Bate-papos
Заголовок открываемого материала