- Sputnik Brasil, 1920
Notícias do Brasil
Notícias sobre política, economia e sociedade do Brasil. Entrevistas e análises de especialistas sobre assuntos que importam ao país.

Mídia: com avanço de Bolsonaro, aliados de Lula põem pressão por mudança de rumo na campanha

© Folhapress / Andre RibeiroO ex Presidente Lula participa da cerimônia de posse da nova diretoria do Sindicato dos Metalúrgicos do ABC, na cidade São Bernardo do Campo, SP, 1º de fevereiro de 2022
O ex Presidente Lula participa da cerimônia de posse da nova diretoria do Sindicato dos Metalúrgicos do ABC, na cidade São Bernardo do Campo, SP, 1º de fevereiro de 2022 - Sputnik Brasil, 1920, 05.05.2022
Nos siga noTelegram
Iniciativas populares desenvolvidas pelo governo Bolsonaro junto a falas polêmicas do petista estão ajudando o atual presidente a chegar mais perto nas pesquisas, assustando membros da campanha e apoiadores de Lula.
Diante do avanço do presidente, Jair Bolsonaro (PL), na porcentagem de intenção de votos de pesquisas eleitorais, aliados do ex-presidente Lula aumentaram, nos últimos dias, as pressões por uma mudança no tom da campanha, relata a revista Veja.
O clima entre apoiadores de Lula é que é preciso fazer o quanto antes um "freio de arrumação", principalmente pela demora em consolidar o nome do chefe da Comunicação para campanha do petista.
Mas o plano de substituir o ex-ministro, Franklin Martins, que em um primeiro momento assumiria o cargo andou no início desta semana, com a notícia de que o prefeito de Araraquara, Edinho Silva, deve mesmo assumir a vaga.
A mídia afirma que Edinho defende uma campanha mais pragmática e voltada ao centro. O foco de Lula, segundo o prefeito, deve ser conquistar o eleitor que historicamente não vota no PT.
O ex-presidente brasileiro Luiz Inácio Lula da Silva gesticula durante uma reunião com senadores no prédio do Senado do México, na Cidade do México, México, 3 de março de 2022 - Sputnik Brasil, 1920, 08.03.2022
Notícias do Brasil
Lula 2.0: ex-presidente lança campanha digital no WhatsApp e Telegram e incomoda bolsonaristas
Entretanto, partidos que integram a base do petista querem mais. Já falam em ampliar sua participação – e principalmente seu poder de voz – no comitê responsável por tomar as principais decisões da campanha.
Desde o começo da corrida, a legenda prometeu dar assento nesse grupo a todas as legendas que vierem a apoiar formalmente a candidatura de Lula. Ainda de acordo com a revista, em abril, só no estado de São Paulo, Bolsonaro cresceu cinco pontos em um mês e apareceu à frente de Lula.
Feed de notícias
0
Para participar da discussão
inicie sessão ou cadastre-se
loader
Bate-papos
Заголовок открываемого материала