Membros da comitiva de uma delegação em frente da sede das Nações Unidas durante a 76ª sessão da Assembleia Geral da ONU em Nova York, 21 de setembro de 2021 - Sputnik Brasil, 1920, 09.11.2021
Panorama internacional
Notícias sobre eventos de todo o mundo. Siga informado sobre tudo o que se passa em diferentes regiões do planeta.

Zelensky se reúne com a presidente da Câmara dos EUA, Nancy Pelosi

© AP Photo / Agência de Imprensa Presidencial da Ucrânia via APImagem divulgada pela assessoria de imprensa presidencial ucraniana em 1º de maio de 2022. O presidente ucraniano Vladimir Zelensky, à direita, concede a Ordem da Princesa Olga à presidente da Câmara dos EUA, Nancy Pelosi, em Kiev
Imagem divulgada pela assessoria de imprensa presidencial ucraniana em 1º de maio de 2022. O presidente ucraniano Vladimir Zelensky, à direita, concede a Ordem da Princesa Olga à presidente da Câmara dos EUA, Nancy Pelosi, em Kiev - Sputnik Brasil, 1920, 01.05.2022
Nos siga noTelegram
O presidente ucraniano Vladimir Zelensky se reuniu neste domingo (1º) com a presidente da Câmara dos Estados Unidos, Nancy Pelosi, em Kiev.
"Estou grato pelo sinal de forte apoio à Ucrânia", disse Zelensky ao receber a visita da parlamentar dos EUA.
Em seguida, o governo ucraniano promoveu uma cerimônia para conceder para Nancy Pelosi a Ordem da Princesa Olga, uma forma de retribuir a assistência militar e econômica norte-americana.
A visita de Pelosi acontece uma semana depois da viagem a Kiev do secretário de Estado dos Estados Unidos, Antony Blinken, e do secretário de Defesa, Lloyd Austin.
© AP Photo / Mariam ZuhaibA presidente da Câmara dos Representantes dos EUA, Nancy Pelosi, fala à imprensa, em 3 de março de 2020, no Capitólio, em Washington
A presidente da Câmara dos Representantes dos EUA, Nancy Pelosi, fala à imprensa, em 3 de março de 2020, no Capitólio, em Washington - Sputnik Brasil, 1920, 01.05.2022
A presidente da Câmara dos Representantes dos EUA, Nancy Pelosi, fala à imprensa, em 3 de março de 2020, no Capitólio, em Washington
Antes disso, Kiev recebeu a visita do chanceler austríaco Karl Nehammer, do primeiro-ministro britânico Boris Johnson e da chefe da Comissão Europeia, Ursula von der Leyen.
O encontro entre Zelensky e Pelosi serviu para fortalecer a presença do governo de Joe Biden no conflito, enquanto pesquisas atestam queda de popularidade do democrata.
Na quinta-feira (28), Biden pediu ao Congresso dos EUA um financiamento suplementar de "emergência" para para assistência militar e apoio a Ucrânia de cerca de US$ 20 bilhões (R$ 98,3 bilhões).
© AFP 2022 / DREW ANGERERSecretário de Defesa dos EUA, Lloyd Austin (à esquerda), secretário de Estado norte-americano, Antony Blinken (centro) e o presidente Joe Biden (à direita).
Secretário de Defesa dos EUA, Lloyd Austin (à esquerda), secretário de Estado norte-americano, Antony Blinken (centro) e o presidente Joe Biden (à direita) - Sputnik Brasil, 1920, 01.05.2022
Secretário de Defesa dos EUA, Lloyd Austin (à esquerda), secretário de Estado norte-americano, Antony Blinken (centro) e o presidente Joe Biden (à direita).
Até agora, o pacote parece ter conquistado amplo apoio bipartidário entre os legisladores americanos.
O pedido se soma a cerca de US$ 4 bilhões (R$ 19,8 bilhões) em ajuda militar que o governo Biden já comprometeu com a Ucrânia.
Também no último dia 28, a Câmara dos Estados Unidos aprovou uma legislação que diminui os requisitos do país para se engajar em acordos de empréstimo e arrendamento de equipamentos de defesa com a Ucrânia e outras nações do Leste Europeu.
Presidente dos EUA, Joe Biden, em 29 de abril de 2022. - Sputnik Brasil, 1920, 30.04.2022
Panorama internacional
Ajuda militar de US$ 33 bilhões de Biden à Ucrânia beneficia acionistas dos EUA, dizem especialistas
Os legisladores da Câmara aprovaram o projeto em uma votação de 417 a dez. O Senado já havia aprovado por unanimidade o projeto de lei no início de abril.
"Este projeto de lei renuncia temporariamente certos requisitos relacionados à autoridade do presidente para emprestar ou arrendar artigos de defesa, se os artigos de defesa forem destinados ao governo da Ucrânia ou aos governos de outros países do Leste Europeu afetados pela operação na Ucrânia pela Rússia", diz um resumo oficial da legislação.
Feed de notícias
0
Para participar da discussão
inicie sessão ou cadastre-se
loader
Bate-papos
Заголовок открываемого материала