Pessoas usando máscaras de proteção caminham por rua em Paris, França, 27 de maio de 2021 - Sputnik Brasil, 1920, 09.11.2021
Sociedade e cotidiano
As principais notícias, reportagens e artigos sobre sociedade e a rotina cotidiana.

Adeus, Twitter comunista? Bolsonaristas fazem a festa com oferta de compra de Elon Musk

© Folhapress / Bruno SantosProtesto por voto impresso auditável, convocado por movimentos e parlamentares bolsonaristas , na avenida Paulista, São Paulo, 1º de agosto de 2021 (foto de arquivo)
Protesto por voto impresso auditável, convocado por movimentos e parlamentares bolsonaristas , na avenida Paulista,  São Paulo, 1º de agosto de 2021 (foto de arquivo) - Sputnik Brasil, 1920, 26.04.2022
Nos siga noTelegram
A novidade do momento tem a ver com o Twitter, que pelo visto está quase nas mãos do bilionário Elon Musk. E dizem que o dono da Tesla pagou uma pechincha: cerca de US$ 44 bilhões. Mas por que os apoiadores de Bolsonaro estão festejando?
Na segunda-feira (25), o Twitter comunicou ter aceitado uma oferta de compra de US$ 44 bilhões (cerca de R$ 215 bilhões) realizada pelo homem mais rico do mundo, Elon Musk.
O negócio, que deve ser fechado ainda neste ano, ainda precisa da aprovação formal dos acionistas da empresa e dos órgãos regulatórios.
E a aceitação do Twitter pegou muita gente de surpresa, pois Musk vinha há umas semanas tentando comprar o passarinho azul, mas sem sucesso. Os acionistas do Twitter, que conta com mais de 217 milhões de usuários mensais espalhados pelo planeta, depois de tentarem frear o empresário de origem sul-africana, acabaram se rendendo a oferta.
Em meio à novidade, Musk não demorou muito para jogar uma indireta no Twitter.
Eu espero que meus piores críticos permaneçam no Twitter, porque é isso que significa liberdade de expressão.
O tweet de Musk já foi retweetado mais de 320 mil vezes e curtido por mais de 2,6 milhões de usuários, sendo uma das curtidas e um dos retweet do nosso presidente do Brasil. E para seguir o ídolo, muitos apoiadores de Jair Bolsonaro tiraram um tempinho do seu dia para dar uma curtida no tweet do fundador da SpaceX.
Para quem não se lembra, o Twitter já pegou no pé de Bolsonaro inúmeras vezes, apagando publicações dele por violarem as regras do passarinho azul. E sempre quando um tweet do presidente era apagado, os bolsonaristas indagavam: cadê a liberdade de expressão?
A liberdade de expressão prometida por Elon Musk soou como música para os bolsonaristas, que decidiram dar aquela força para o bilionário.
Por outro lado, há quem acredite que essa liberdade de expressão prometida por Musk possa acabar abrindo as portas para a propagação do ódio, o que está deixando muitos usuários preocupados e com vontade de excluir suas contas na rede social. Daí surge o assunto "Adeus Twitter", que começou com uma proposta de revolta de uns e agora está sendo usado como crítica por outros, mais especificamente por bolsonaristas.
Tweets favoráveis à compra não param de surgir, e neles há até mesmo espaço para falar sobre comunismo.
Tinha muita gente esperando esse "Adeus Twitter" só para se despedir de quem ameaça sair.
Para Carlos Santos, faça chuva ou faça sol, Lula continua sendo presidente eleito.
Um recado para quem quer sair.
Vão sair mesmo?
Novo herói nacional.
O churrasco está liberado no Palácio da Alvorada.
Estão deixando o Twitter ou a Terra?
Chega de passarinho "vermelho".
"Grande dia" para os bolsonaristas.
Feed de notícias
0
Para participar da discussão
inicie sessão ou cadastre-se
loader
Bate-papos
Заголовок открываемого материала