Membros da comitiva de uma delegação em frente da sede das Nações Unidas durante a 76ª sessão da Assembleia Geral da ONU em Nova York, 21 de setembro de 2021 - Sputnik Brasil, 1920, 09.11.2021
Panorama internacional
Notícias sobre eventos de todo o mundo. Siga informado sobre tudo o que se passa em diferentes regiões do planeta.

Elon Musk fecha acordo e compra Twitter por US$ 44 bilhões

© AP Photo / Ringo H.W. ChiuFundador das empresas SpaceX e Tesla, Elon Musk.
Fundador das empresas SpaceX e Tesla, Elon Musk. - Sputnik Brasil, 1920, 25.04.2022
Nos siga noTelegram
O bilionário Elon Musk, CEO da Tesla e da SpaceX, fechou um acordo para a compra do Twitter por 44 bilhões de dólares (cerca de R$ 214 bilhões), informou a empresa em comunicado nesta segunda-feira (25).
Na negociação ficou acertado que o empresário pagará 54,20 dólares (R$ 264,29, aproximadamente) por ação.

"Twitter, Inc. firmou um acordo definitivo para ser adquirido por uma entidade de propriedade integral de Elon Musk, por 54,20 dólares [R$ 264,29] por ação, em uma transação avaliada em aproximadamente 44 bilhões de dólares [cerca de R$ 214 bilhões]. Após a conclusão da transação, o Twitter se tornará uma empresa privada", disse a companhia em comunicado.

De acordo com o presidente do Twitter, Bret Taylor, o conselho da empresa "conduziu um processo cuidadoso e abrangente para avaliar a proposta de Elon [Musk] com foco deliberado em valor, certeza e financiamento".
Musk já detém 9,2% das ações do Twitter e, no dia 13 de abril, afirmou que estava pronto para fazer a proposta de aquisição da empresa.
Segundo o empresário, seu objetivo é transformá-la em "uma plataforma de liberdade de expressão em todo o mundo".
Musk já indicou o relaxamento de restrições de conteúdo e a eliminação de contas falsas.
© AFP 2022 / KIRILL KUDRYAVTSEVLogotipo da rede social Twitter.
Logo da rede social Twitter - Sputnik Brasil, 1920, 25.04.2022
Logotipo da rede social Twitter.
A princípio a empresa se opunha à ideia. O conselho de administração chegou a dar início a uma tentativa de dificultar a venda ao buscar diluir a participação de Musk. Porém, com a garantia do empresário quanto aos valores para fechar o negócio, o grupo foi convencido.

"A liberdade de expressão é a base de uma democracia em funcionamento, e o Twitter é a praça da cidade digital onde são debatidos assuntos vitais para o futuro da humanidade. Algoritmos de código aberto para aumentar a confiança, derrotar os robôs de spam e autenticar todos os humanos... O Twitter tem um tremendo potencial. Estou ansioso para trabalhar com a empresa e a comunidade de usuários para desbloqueá-lo", disse Musk.

Segundo a Forbes, Musk é o homem mais rico do mundo, com um patrimônio líquido estimado em 273,6 bilhões de dólares (cerca de R$ 1,33 trilhão), devido principalmente à sua participação na fabricante de veículos elétricos Tesla.
Logotipo da rede social Facebook (foto de arquivo)  - Sputnik Brasil, 1920, 08.04.2022
Panorama internacional
Sem saudades de Zuckerberg: Rússia usa criatividade para substituir redes sociais ocidentais
Feed de notícias
0
Para participar da discussão
inicie sessão ou cadastre-se
loader
Bate-papos
Заголовок открываемого материала