Membros da comitiva de uma delegação em frente da sede das Nações Unidas durante a 76ª sessão da Assembleia Geral da ONU em Nova York, 21 de setembro de 2021 - Sputnik Brasil, 1920, 09.11.2021
Panorama internacional
Notícias sobre eventos de todo o mundo. Siga informado sobre tudo o que se passa em diferentes regiões do planeta.

Sobe para 44 o número de mortos após ataque aéreo do Paquistão contra província afegã

© AP Photo / Anjum NaveedJato JF-17 da Força Aérea do Paquistão durante parada militar no Dia Nacional do Paquistão, em Islamabad, 23 de março de 2022 (imagem ilustrativa).
Jato JF-17 da Força Aérea do Paquistão durante parada militar no Dia Nacional do Paquistão, em Islamabad, 23 de março de 2022 (imagem ilustrativa). - Sputnik Brasil, 1920, 17.04.2022
Nos siga noTelegram
O número de mortos após um ataque aéreo paquistanês contra a província de Khost, no leste do Afeganistão, aumentou para 44, segundo uma fonte do departamento de saúde local afirmou à Sputnik, neste domingo (17).
Anteriormente o número de mortos confirmados estava em 39, incluindo cinco crianças e uma mulher. O ataque foi veiculado pela agência afegã Khaama Press no sábado (16), afirmando que dezenas de pessoas morreram.
O ministro das Relações Exteriores em exercício do Afeganistão, Amir Khan Muttaqi, convocou o embaixador paquistanês à capital, Cabul, para apresentar um protesto contra os ataques aéreos.
Em comunicado, a chancelaria paquistanesa afirmou que guardas de fronteira do Paquistão foram atacados por grupos terroristas afegãos. Segundo publicou a Khaama Press, o Talibã (organização sob sanções da ONU por atividade terrorista) nega as acusações.
© AP Photo / Zabi KarimiCombatentes do Talibã (organização sob sanções da ONU por atividade terrorista) assumem o controle do palácio presidencial afegão depois que o presidente Ashraf Ghani fugiu do país, em Cabul, Afeganistão, 15 de agosto de 2021.
Combatentes do Talibã (organização sob sanções da ONU por atividade terrorista) assumem o controle do palácio presidencial afegão depois que o presidente Ashraf Ghani fugiu do país, em Cabul, Afeganistão, 15 de agosto de 2021 - Sputnik Brasil, 1920, 17.04.2022
Combatentes do Talibã (organização sob sanções da ONU por atividade terrorista) assumem o controle do palácio presidencial afegão depois que o presidente Ashraf Ghani fugiu do país, em Cabul, Afeganistão, 15 de agosto de 2021.
De acordo com a fonte ouvida pela Sputnik, ainda há desaparecidos após o ataque, o que pode aumentar o número de mortos.
Em 2021, o Talibã liderou uma ofensiva no Afeganistão após a retirada das tropas dos Estados Unidos do país, chegando a Cabul em agosto do mesmo ano. No mês seguinte, o grupo radical estabeleceu um governo interino no Afeganistão.
Feed de notícias
0
Para participar da discussão
inicie sessão ou cadastre-se
loader
Bate-papos
Заголовок открываемого материала