Membros da comitiva de uma delegação em frente da sede das Nações Unidas durante a 76ª sessão da Assembleia Geral da ONU em Nova York, 21 de setembro de 2021 - Sputnik Brasil, 1920, 09.11.2021
Panorama internacional
Notícias sobre eventos de todo o mundo. Siga informado sobre tudo o que se passa em diferentes regiões do planeta.

Oficiais do Reino Unido retomaram formação de militares na Ucrânia, informa mídia

© AFP 2022 / Genya SavilovMilitares do Reino Unido marcham durante parada militar em Kiev, 24 de agosto de 2017
Militares do Reino Unido marcham durante parada militar em Kiev, 24 de agosto de 2017 - Sputnik Brasil, 1920, 16.04.2022
Nos siga noTelegram
Segundo o jornal The Times, forças especiais de elite britânicas têm treinado forças congêneres da Ucrânia diretamente em solo ucraniano, apesar de relatos de que tinham saído do país em fevereiro.
Militares ucranianos têm sido treinados por instrutores das forças especiais do Reino Unido desde o começo da operação militar especial da Rússia na Ucrânia, informa na sexta-feira (15) o jornal The Times.
Oficiais de dois batalhões destacados em Kiev e nos arredores relataram ter sido treinados por membros ativos do Serviço Aéreo Especial britânico (SAS, na sigla em inglês) na última e na penúltima semanas, escreve o The Times. Foi sublinhado que os militares do SAS estavam em serviço ativo, não eram voluntários aposentados.
Fuzileiros navais dos EUA chegaram à Ucrânia para participar do treinamento das forças armadas - Sputnik Brasil, 1920, 23.03.2022
Panorama internacional
Revelado documento sobre o treinamento do Reino Unido aos militares ucranianos (FOTO)
O SAS ensinou às forças ucranianas o uso do sistema de mísseis portáteis antitanque NLAW, de acordo com Yuri Mironenko, capitão do batalhão implantando na localidade de Obolon, a norte de Kiev. Outro comandante das forças especiais ucranianas relatou que os militares britânicos treinaram na semana anterior o 112º Batalhão das Forças de Defesa Territorial da Ucrânia.
Os instrutores militares britânicos têm treinado os militares da Ucrânia durante anos. Oficialmente, estes instrutores saíram do país em fevereiro para evitar confrontos diretos com forças russas, não havendo confirmação do The Times se foram os mesmos que regressaram agora à Ucrânia.
Na terça-feira (12) James Heappey, ministro das Forças Armadas do Reino Unido, anunciou que os militares ucranianos seriam formados diretamente em solo britânico para usar os veículos de transporte blindado enviados por Londres a Kiev, enquanto no último sábado (9) Boris Johnson, premiê britânico, acordou fornecer 120 veículos blindados e novos sistemas de mísseis antitanque.
Feed de notícias
0
Para participar da discussão
inicie sessão ou cadastre-se
loader
Bate-papos
Заголовок открываемого материала