Membros da comitiva de uma delegação em frente da sede das Nações Unidas durante a 76ª sessão da Assembleia Geral da ONU em Nova York, 21 de setembro de 2021 - Sputnik Brasil, 1920, 09.11.2021
Panorama internacional
Notícias sobre eventos de todo o mundo. Siga informado sobre tudo o que se passa em diferentes regiões do planeta.

Johnson diz a Zelensky que Reino Unido continuará enviando ajuda militar à Ucrânia

© AP Photo / Gabinete de Imprensa Presidencial ucranianoNesta imagem fornecida pelo Gabinete de Imprensa Presidencial ucraniano, o presidente ucraniano Vladimir Zelensky e o primeiro-ministro britânico Boris Johnson estão sentados antes de sua reunião, em Kiev, Ucrânia, 9 de abril de 2022
Nesta imagem fornecida pelo Gabinete de Imprensa Presidencial ucraniano, o presidente ucraniano Vladimir Zelensky e o primeiro-ministro britânico Boris Johnson estão sentados antes de sua reunião, em Kiev, Ucrânia, 9 de abril de 2022 - Sputnik Brasil, 1920, 16.04.2022
Nos siga noTelegram
O primeiro-ministro do Reino Unido, Boris Johnson, disse ao presidente ucraniano, Vladimir Zelensky, que Londres continuará fornecendo ajuda militar a Kiev, segundo informou o gabinete do premiê britânico neste sábado (16).
"O primeiro-ministro atualizou o presidente Zelensky sobre as novas sanções do Reino Unido que entraram em vigor na semana passada, e acrescentou a ele que o Reino Unido continuará fornecendo os meios para a Ucrânia se defender, incluindo a cessão de veículos blindados nos próximos dias", disse o escritório em um comunicado.
Johnson também declarou que continuará trabalhando em estreita colaboração com aliados e parceiros para garantir que a Ucrânia possa se defender nas próximas semanas e meses.
Além disso, militares ucranianos têm sido treinados por instrutores das forças especiais do Reino Unido desde o começo da operação militar especial da Rússia na Ucrânia, informou na sexta-feira (15) o jornal The Times.
Frascos em laboratório biológico (imagem referencial) - Sputnik Brasil, 1920, 16.04.2022
Panorama internacional
Além dos EUA, Alemanha realizou pesquisas biológicas na Ucrânia por muitos anos, diz MRE russo
Oficiais de dois batalhões destacados em Kiev e nos arredores relataram ter sido treinados por membros ativos do Serviço Aéreo Especial britânico (SAS, na sigla em inglês) na última e na penúltima semanas, escreveu o The Times. Foi sublinhado que os militares do SAS estavam em serviço ativo, não eram voluntários aposentados.
Neste sábado (16), a chancelaria russa incluiu na lista de pessoas impedidas de entrar no país os principais integrantes do governo britânico e uma série de outras personalidades políticas do Reino Unido.

"Devido às ações hostis sem precedentes do governo britânico, manifestadas em particular na imposição de sanções contra altos funcionários da Federação da Rússia, foi decidido incluir membros-chave do governo britânico e várias figuras políticas na lista negra", diz o comunicado no site da entidade.

Em anexo ao comunicado, foi apresentada uma lista de cidadãos britânicos cuja entrada é proibida no território russo. Entre eles estão o primeiro-ministro do país, Boris Johnson, a chefe da diplomacia britânica, Liz Truss, e o ministro da Defesa, Ben Wallace.
A lista também inclui o vice-primeiro-ministro e ministro da Justiça, Dominic Raab, o ministro das Finanças, Rishi Sunak, e a ministra do Interior, Priti Patel.
Joe Biden, presidente dos EUA, em coletiva de imprensa do Partido Democrata na Filadélfia, Pensilvânia, EUA, 11 de março de 2022. - Sputnik Brasil, 1920, 15.04.2022
Panorama internacional
EUA não podem apoiar alegações de que a Rússia cometeu 'genocídio' na Ucrânia, diz mídia
Em 24 de fevereiro, a Rússia lançou uma operação militar na Ucrânia depois que as repúblicas separatistas de Donetsk (RPD) e Lugansk (RPL) pediram ajuda para se defenderem das tropas ucranianas.
Em resposta, o Ocidente e seus aliados lançaram uma ampla campanha de sanções contra Moscou, que inclui o fechamento do espaço aéreo e medidas restritivas visando vários funcionários e entidades russas, mídia e instituições financeiras.
Feed de notícias
0
Para participar da discussão
inicie sessão ou cadastre-se
loader
Bate-papos
Заголовок открываемого материала