Membros da comitiva de uma delegação em frente da sede das Nações Unidas durante a 76ª sessão da Assembleia Geral da ONU em Nova York, 21 de setembro de 2021 - Sputnik Brasil, 1920, 09.11.2021
Panorama internacional
Notícias sobre eventos de todo o mundo. Siga informado sobre tudo o que se passa em diferentes regiões do planeta.

Negociador russo diz que desescalar em relação a Kiev e Chernigov não significa cessar-fogo

© REUTERS / Mídia AssociadaO assessor presidencial da Rússia, Vladimir Medinsky, chefe da delegação russa, fala à mídia antes das esperadas conversas com autoridades ucranianas, na região de Brest, Belarus, em 2 de março de 2022
O assessor presidencial da Rússia, Vladimir Medinsky, chefe da delegação russa, fala à mídia antes das esperadas conversas com autoridades ucranianas, na região de Brest, Belarus, em 2 de março de 2022 - Sputnik Brasil, 1920, 29.03.2022
Nos siga noTelegram
Representante russo diz que redução da operação na capital ucraniana tem como intuito evitar "riscos militares adicionais", mas não representa um cessar-fogo total.
Nesta terça-feira (29), o chefe da delegação russa nas negociações russo-ucranianas, Vladimir Medinsky, afirmou que ainda há um longo caminho a ser percorrido entre os dois países para se chegar a um acordo de paz "mutuamente aceitável".
Entretanto, Medinsky destacou que Moscou considera as propostas escritas por Kiev "um passo em direção a um compromisso", acrescentando que a Rússia entregará suas contrapropostas à Ucrânia em breve.
Vice-chanceler ucraniano, Nikolai Tochitsky (à esquerda), e o ministro das Relações Exteriores turco, Mevlut Cavusoglu, antes das negociações russo-ucranianas em Istambul, 29 de março de 2022 - Sputnik Brasil, 1920, 29.03.2022
Panorama internacional
Ucrânia desiste de sua intenção de recuperar Crimeia e Donbass pela via militar, diz Medinsky
Ao mesmo tempo, o negociador declarou que diminuir radicalmente operações de combate em Kiev e Chernigov não significa um cessar-fogo total.
"Não se trata de um cessar-fogo, mas sim de nosso objetivo de reduzir a escalada do conflito, pelo menos nessas áreas", explicou.
A intenção em desescalar a operação nestas regiões é "não expor esta cidade [Kiev] a riscos [militares] adicionais".
Veículo do Exército russo para transporte de munições para lançadores múltiplos de foguetes em Armyansk, Crimeia, 24 de fevereiro de 2022. - Sputnik Brasil, 1920, 29.03.2022
Panorama internacional
34º dia da operação especial da Rússia na Ucrânia
Em 24 de fevereiro de 2022, o presidente russo, Vladimir Putin, anunciou o início de uma operação especial militar para "desmilitarização e desnazificação da Ucrânia".
Feed de notícias
0
Para participar da discussão
inicie sessão ou cadastre-se
loader
Bate-papos
Заголовок открываемого материала