Membros da comitiva de uma delegação em frente da sede das Nações Unidas durante a 76ª sessão da Assembleia Geral da ONU em Nova York, 21 de setembro de 2021 - Sputnik Brasil, 1920, 09.11.2021
Panorama internacional
Notícias sobre eventos de todo o mundo. Siga informado sobre tudo o que se passa em diferentes regiões do planeta.
Comboio militar do Exército russo escoltado por helicóptero Mi-24 - Sputnik Brasil

31º dia da operação especial da Rússia na Ucrânia

Nos siga noTelegram
Em 24 de fevereiro de 2022, o presidente da Rússia, Vladimir Putin, anunciou o início de uma operação especial militar para "desmilitarização e desnazificação da Ucrânia".
Durante a operação, as Forças Armadas da Rússia eliminam instalalções da infraestrutura militar ucraniana, sem realizar ataques contra alvos civis em cidades. Os militares russos também organizam corredores humanitários para população civil que foge da violência dos neonazistas e nacionalistas.
Ao mesmo tempo, já foram realizadas quatro rodadas de negociações entre Moscou e Kiev, por enquanto sem resultados significativos.
Antigas primeiroRecentes primeiro
00:38 27.03.2022
Alemanha considera comprar sistema de defesa antimísseis Arrow 3 de Israel
O chanceler alemão Olaf Scholz, ao lado de autoridades militares do país, discutiu hoje (26) sobre a possibilidade de adquirir o sistema de defesa antimísseis Arrow 3 (Hetz 3) de Israel, informa o jornal Bild.
A compra custaria à Alemanha 2 bilhões de euros (R$ 10,4 bilhões) e o sistema de mísseis antibalísticos entraria em serviço em 2025, segundo o Bild. O sistema de defesa poderia cobrir a Polônia, a Romênia e os Bálticos, graças aos fortes radares.
O Ministério da Defesa de Israel anunciou em janeiro que realizou testes de voo bem-sucedidos do sistema de defesa antimísseis Arrow 3, projetado para interceptar mísseis balísticos fora da atmosfera da Terra.
Sistema antimíssil Arrow em Israel (foto de arquivo) - Sputnik Brasil
23:09 26.03.2022
Zurich Insurance considera cancelar o seu logotipo 'Z' temendo má interpretação
A seguradora suíça Zurich Insurance Group vai remover o seu logotipo "Z" das mídias sociais, temendo que possa ser mal interpretado como uma expressão de apoio à operação militar especial da Rússia na Ucrânia, informa o The Telegraph.
De acordo com o The Telegraph, a empresa poderia descartar seu logotipo, que é um grande Z branco em um fundo azul.
A Zurich Insurance é uma das maiores seguradoras da Europa, cobrindo mais de 210 países e territórios.
Após o início da operação militar especial da Rússia na Ucrânia em 24 de fevereiro, depois que as repúblicas populares de Donetsk e Lugansk (DPR e LPR) pediram ajuda para se defender contra as forças de Kiev, a Zurich Insurance aderiu às sanções ocidentais contra a Rússia e decidiu não assumir novos clientes domésticos no país.
21:31 26.03.2022
Zelensky diz que Kiev precisa de 1% dos aviões e tanques da OTAN
A Ucrânia precisa de pelo menos um por cento de aeronaves e tanques estacionados em países da OTAN, disse Vladimir Zelensky, acusando os aliados ocidentais de Kiev de serem indecisos em termos de assistência militar à Ucrânia.

"Apenas 1% de todas as aeronaves da OTAN e 1% de todos os tanques da OTAN, 1%. Não estamos pedindo mais", disse Zelensky.

Em seu discurso a 27 líderes europeus divulgado na sexta-feira (25), o ucraniano criticou a Hungria por se recusar a fornecer armas a Kiev e não permitir a transferência de armas através do território húngaro.
Em Bruxelas, o presidente ucraniano, Vladimir Zelensky, discursa durante encontro da União Europeia, em 15 de dezembro de 2021 - Sputnik Brasil
21:06 26.03.2022
Alemanha quer processar quem usar a letra 'Z' em público
As pessoas que "expressarem publicamente a sua aprovação" à operação especial militar do presidente russo contra a Ucrânia, usando o símbolo "Z", devem "esperar consequências criminais", afirmou o ministro do Interior da Baixa Saxônia, Boris Pistorius, em um comunicado.
Soldado das Forças Armadas da Rússia ao lado do sistema de mísseis Pantsir-S1 - Sputnik Brasil
20:00 26.03.2022
EUA enviarão mais US$ 100 milhões em assistência de defesa a Kiev, diz Blinken
Os Estados Unidos vão alocar US$ 100 milhões (cerca de R$ 474 milhões) adicionais em assistência de segurança para Kiev em meio à operação militar especial da Rússia na Ucrânia, disse neste sábado (26) o secretário de Estado dos EUA, Antony Blinken.
"Os Estados Unidos pretendem fornecer US$ 100 milhões [cerca de R$ 474 milhões] adicionais em assistência à segurança civil para aumentar a capacidade do Ministério de Assuntos Internos da Ucrânia em fornecer segurança de fronteira essencial, sustentar funções de aplicação da lei civil e proteger a infraestrutura governamental crítica", disse Blinken.
O secretário de Estado dos EUA, Antony Blinken, fala durante uma entrevista coletiva em Jacarta, Indonésia, na terça-feira, 14 de dezembro de 2021 - Sputnik Brasil
19:04 26.03.2022
Porta-voz da presidência russa, Dmitry Peskov, comparece em evento dedicado ao jornalismo na capital russa, Moscou, Rússia, 23 de dezembro de 2020 (foto de arquivo) - Sputnik Brasil, 1920, 26.03.2022
Panorama internacional
Peskov manda recado aos EUA: 'Não cabe a Biden decidir quem está no poder na Rússia'
18:30 26.03.2022
Rússia evacua 440 mil ucranianos desde o início da operação militar no país
Neste sábado (26), o Ministério da Defesa da Rússia afirmou que evacuou um total de 439.420 pessoas vulneráveis da Ucrânia desde o início da operação militar especial, em 24 de fevereiro.

"Apenas nas últimas 24 horas nós evacuamos 19.694 pessoas de zonas perigosas nas repúblicas populares de Donetsk e Lugansk em direção à Rússia e sem ajuda da Ucrânia", afirmou a repórteres o general Mikhail Kuznetsov, chefe do Centro de Controle de Defesa Nacional da Rússia.

Um total de 91.673 menores de idade foram evacuados para a Rússia desde o início da operação militar, sendo cerca de dois mil no último dia. Somente na cidade de Mariupol, quase 100 mil pessoas foram resgatadas.
Na região da República Popular de Donetsk (RPD), funcionários do Ministério de Assuntos Internos da RPD verificam refugiados de Mariupol, em 25 de março de 2022 - Sputnik Brasil
16:50 26.03.2022
Prédios residenciais destruídos na República Popular de Lugansk
Forças ucranianas dispararam com míssil Tochka-U contra a cidade de Rovenka, na República Popular de Lugansk (RPL), destruindo dois prédios residenciais, disse a representação da RPL ao Centro Conjunto de Controle e Coordenação do Cessar-Fogo e Estabilização da Linha Fronteiriça.
16:17 26.03.2022
Casa Branca preocupada com possível reação a declaração de Biden
Durante um discurso em Varsóvia, Polônia, Joe Biden, presidente dos EUA, afirmou que Putin "não pode permanecer no poder".
"O argumento do presidente era que não pode ser permitido que Putin exerça poder sobre seus vizinhos ou a região. Ele não estava discutindo o poder de Putin na Rússia, ou mudança de regime", garantiu a administração dos EUA.
Joe Biden, presidente dos EUA, fala em evento no Castelo Real, em meio à operação militar especial da Rússia na Ucrânia, em Varsóvia, Polônia, 26 de março de 2022 - Sputnik Brasil, 1920, 26.03.2022
Panorama internacional
Europa tem de se livrar de dependência energética da Rússia, EUA podem ajudar, afirma Biden
14:18 26.03.2022
MD russo: mais de 30 militares ucranianos eliminados perto de Novomikhailovka
De acordo com o Ministério da Defesa russo, no dia 26 de março, perto de Novomikhailovka, mais de 30 militares ucranianos foram mortos.
Além disso, em 24 horas, foram eliminados 91 alvos militares da Ucrânia, entre eles, dois postos de comando e 11 armazéns com armas e munições, conforme a defesa russa.
O ministério adicionou que a defesa antiaérea russa abateu um drone ucraniano que estava se aproximando de Sevastopol sobre o mar Negro.
13:45 26.03.2022
Forças ucranianas atacam Donetsk
Forças da Ucrânia dispararam novamente contra Donetsk, tendo usado granadas de morteiro, relatou o Centro Conjunto de Controle e Coordenação do Cessar-Fogo e Estabilização da Linha Fronteiriça.
09:55 26.03.2022
Ancara realiza negociações com Moscou e Kiev devido à mina no estreito de Bósforo
O Ministério da Defesa turco informou que a coordenação entre as entidades dos três países continua.
Segundo confirmou a Defesa turca, o objeto detectado no Bósforo é uma mina antiga. Além disso, declarou que não há quaisquer problemas com a passagem de navios no local.
09:15 26.03.2022
Washington faz tudo para criar obstáculos ao funcionamento das representações russas nos EUA, diz MRE russo
Conforme a entidade, Moscou não evita o diálogo com Washington sobre a questão das representações diplomáticas e está pronta para negociar em pé de igualdade. Ao mesmo tempo, "não há indícios" de que os EUA deem passos ao encontro de Moscou, ressaltou o ministério.
07:37 26.03.2022
Forças Armadas russas eliminam posição de sistema Buk perto de Kiev com míssil Iskander, diz MD
07:30 26.03.2022
Chanceleres e ministros da Defesa da Ucrânia e EUA se reúnem em formato 2+2
O chefe da diplomacia ucraniana, Dmitry Kuleba, e o ministro da Defesa do país, Aleksei Reznikov, estão realizando uma reunião em formato 2+2 com o secretário de Estado americano, Antony Blinken, e o secretário de Defesa, Lloyd Austin.
A informação foi revelada pelo ministro Reznikov, em sua conta no Twitter. Segundo ele, os ministros discutem os assuntos atuais e a cooperação na política e área da defesa entre Kiev e Washington.
06:54 26.03.2022
Defesa da Turquia diz ter 'neutralizado' objeto parecido a mina no estreito de Bósforo
Após o objeto ter sido detectado, o estreito de Bósforo foi fechado para passagem de navios até nova ordem, informou o canal de TV local.
Vista de Istambul e da Ponte do Bósforo na Turquia. (Arquivo) - Sputnik Brasil, 1920, 26.03.2022
Panorama internacional
Defesa da Turquia neutraliza objeto semelhante a mina no estreito de Bósforo (FOTO, VÍDEO)
06:54 26.03.2022
Mídia turca: objeto parecido a mina é detectado na entrada do estreito de Bósforo
O movimento de um objeto não identificado parecido a uma mina foi registrado na entrada do estreito de Bósforo, informou no sábado o jornal turco Star.
Anteriormente, o Serviço Federal de Segurança russo informou que, a partir do início da operação especial russa, os militares ucranianos colocaram cerca de 420 minas nas entradas dos portos de Odessa, Ochakov, Chernomorsk e Iuzhny, no mar Negro. O serviço não descartou a possibilidade de deriva das minas em direção ao estreito de Bósforo e aos mares da bacia do Mediterrâneo.
Após a informação da Rússia, a Marinha turca ordenou que os navios monitorem as minas à deriva. Por sua vez, o presidente turco Erdogan anunciou que o Ministério da Defesa do país toma todas as medidas necessárias nesta situação.
05:44 26.03.2022
Briefing do Ministério da Defesa da Rússia na manhã de 26 de março:
Nas últimas 24 horas, a aviação de combate da Rússia destruiu 117 instalações militares na Ucrânia. Foram atingidos, nomeadamente, seis postos de comando, três lançadores múltiplos de foguetes, um sistema S-300, nove armazéns de munições e armamento, bem como 92 bases das subunidades do Exército ucraniano.
Além do armazém em Zhitomir, destruído por mísseis Kalibr, foi eliminado um terminal de combustível nos arredores de Nikolaev, por meio de um míssil de cruzeiro Oniks.
No total, desde o início da operação militar especial, foram eliminados 267 drones, 207 sistemas de mísseis, 1.618 tanques e outros veículos blindados.
05:28 26.03.2022
Ataque de mísseis Kalibr destrói armazém de munições e armas na região ucraniana de Zhitomir
04:15 26.03.2022
Sistema de defesa antiaérea S-400 é instalado na capital da Crimeia, Sevastopol, Rússia (foto de arquivo)       - Sputnik Brasil, 1920, 26.03.2022
Panorama internacional
Apesar das sanções, o nível de cumprimento dos contratos de Defesa atinge 85%, diz ministro russo
Feed de notícias
0
Para participar da discussão
inicie sessão ou cadastre-se
loader
Bate-papos
Заголовок открываемого материала