Membros da comitiva de uma delegação em frente da sede das Nações Unidas durante a 76ª sessão da Assembleia Geral da ONU em Nova York, 21 de setembro de 2021 - Sputnik Brasil, 1920, 09.11.2021
Panorama internacional
Notícias sobre eventos de todo o mundo. Siga informado sobre tudo o que se passa em diferentes regiões do planeta.

Suécia aprova 2ª rodada de ajuda militar à Ucrânia com envio de 5.000 lançadores de foguete

© Foto / Divulgação / AvibrásLançamento de foguete pelo sistema de mísseis Astros II brasileiro
Lançamento de foguete pelo sistema de mísseis Astros II brasileiro - Sputnik Brasil, 1920, 24.03.2022
Nos siga noTelegram
A liderança governamental do país europeu aprovou por unanimidade o auxílio à Ucrânia, porém pesquisa de opinião revela que apenas 39% da população concorda com a ajuda.
Em sua mais recente decisão, o parlamento sueco aprovou o envio de 5.000 lançadores de foguete antitanque para a Ucrânia, modelo Pansarskott 86, assim como equipamentos de remoção de minas terrestres. Ao todo, os armamentos custaram cerca de US$ 22 milhões (cerca de R$ 106 milhões).
Os foguetes Pansarskott 86 são produzidos na própria Suécia e conhecidos internacionalmente como AT-4. Cada arma pesa 6,7 quilos e é capaz de atingir alvos a 400 metros de distância. Embora não tenha poder de fogo suficiente para destruir tanques de guerra modernos, o AT-4 é capaz de inutilizar diversos tipos de veículos blindados e fortificações.
O envio de armas para a Ucrânia é uma resposta à operação militar russa, que vem sendo condenada pelos países do Ocidente.

"Achamos extremamente importante continuar a apoiar ativamente a Ucrânia. É muito gratificante que eles possam impedir os planos russos de sucesso na Ucrânia", disse Peter Hultqvist, ministro da Defesa da Suécia, durante entrevista à emissora nacional SVT.

Esta é a segunda vez que a Suécia envia armamentos para a Ucrânia desde o início da operação militar especial russa, no dia 24 de fevereiro, e de acordo com Hultqvist, não será a última.
O presidente ucraniano Vladimir Zelensky inspeciona armas enquanto se reúne com membros das forças armadas do país na região de Donetsk, Ucrânia, em 17 de fevereiro de 2022 - Sputnik Brasil, 1920, 03.03.2022
Panorama internacional
MRE russo: envio 'louco' de armas à Ucrânia é reflexo da política do Ocidente 'todos os meios valem'
Durante a primeira rodada de auxílio militar, no início de março, todos os partidos parlamentares votaram a favor, menos o de esquerda. No entanto, para o segundo envio de armas à Ucrânia a decisão foi unânime entre todos os partidos.
A postura do governo sueco contrasta com o posicionamento da maioria da população do país. Em enquete realizada no final de fevereiro, apenas 39% dos suecos se disseram a favor do envio de armas para a Ucrânia.
A Rússia lançou uma operação militar especial na Ucrânia em 24 de fevereiro para desmilitarização e desnazificação do país, depois que as repúblicas de Donetsk (RPD) e Lugansk (RPL) pediram ajuda para interromper o bombardeio de civis.
Helicóptero Ka-52 russo - Sputnik Brasil, 1920, 24.03.2022
Panorama internacional
29º dia da operação especial da Rússia na Ucrânia
Feed de notícias
0
Para participar da discussão
inicie sessão ou cadastre-se
loader
Bate-papos
Заголовок открываемого материала