Membros da comitiva de uma delegação em frente da sede das Nações Unidas durante a 76ª sessão da Assembleia Geral da ONU em Nova York, 21 de setembro de 2021 - Sputnik Brasil, 1920, 09.11.2021
Panorama internacional
Notícias sobre eventos de todo o mundo. Siga informado sobre tudo o que se passa em diferentes regiões do planeta.

Lavrov: Ocidente não quis resolver situação relacionada à Ucrânia por meios pacíficos

© REUTERS / RUSSIAN FOREIGN MINISTRYO ministro das Relações Exteriores da Rússia, Sergei Lavrov, participa de uma reunião com o chefe do Ministério das Relações Exteriores da autoproclamada República Popular de Lugansk, Vladislav Deinego e o vice-chefe do Ministério das Relações Exteriores da autoproclamada República Popular de Donetsk, Sergei Peresada, em Moscou, Rússia, 25 de fevereiro de 2022
O ministro das Relações Exteriores da Rússia, Sergei Lavrov, participa de uma reunião com o chefe do Ministério das Relações Exteriores da autoproclamada República Popular de Lugansk, Vladislav Deinego e o vice-chefe do Ministério das Relações Exteriores da autoproclamada República Popular de Donetsk, Sergei Peresada, em Moscou, Rússia, 25 de fevereiro de 2022 - Sputnik Brasil, 1920, 16.03.2022
Nos siga noTelegram
O ministro das Relações Exteriores da Rússia, Sergei Lavrov, afirmou que o Ocidente não quis resolver a situação relacionada à Ucrânia por meios pacíficos.
Além disso, Lavrov afirmou que Moscou está pronta para buscar novos caminhos de garantias de segurança não só para Rússia, mas para Ucrânia e Europa, não entrando apenas a expansão da OTAN.
"Nós estamos prontos para buscar novos caminhos de garantias de segurança para a Ucrânia, para países europeus, e claro, para a Rússia, não entrando apenas a expansão da OTAN para o Leste", afirmou.
O chanceler ressaltou que os negociadores de Rússia e Ucrânia devem discutir as questões com tranquilidade.
"Eu daria aqui a todos os negociadores a possibilidade de trabalhar em um ambiente mais calmo, sem causar mais uma histeria", afirmou Lavrov.
Lavrov declarou que o status de neutralidade da Ucrânia está sendo discutido seriamente nas negociações em coordenação com as exigências russas sobre garantias de segurança.
Na esfera de segurança, os Estados Unidos não querem se limitar com nenhum compromisso que leve em consideração os interesses de outros países, segundo o chanceler russo.
De acordo com o MRE russo, a Suécia também se ofereceu para intermediar a solução da crise na Ucrânia.
Equipamento militar de unidade de artilharia abandonada das Forças Armadas da Ucrânia em depósito de metais de Berdyansk - Sputnik Brasil, 1920, 16.03.2022
Panorama internacional
Rússia destrói 128 alvos militares na Ucrânia, incluindo 7 depósitos de armas
Em 24 de fevereiro, o presidente da Rússia, Vladimir Putin, anunciou o início de uma operação especial na Ucrânia.
Entre os principais objetivos da operação estão a "desmilitarização e desnazificação da Ucrânia" para proteger a população da região de Donbass e para prevenir um ataque contra a Rússia a partir do território da Ucrânia em meio às ações agressivas da OTAN e avanço do bloco para o Leste Europeu.
Feed de notícias
0
Para participar da discussão
inicie sessão ou cadastre-se
loader
Bate-papos
Заголовок открываемого материала