Membros da comitiva de uma delegação em frente da sede das Nações Unidas durante a 76ª sessão da Assembleia Geral da ONU em Nova York, 21 de setembro de 2021 - Sputnik Brasil, 1920, 09.11.2021
Panorama internacional
Notícias sobre eventos de todo o mundo. Siga informado sobre tudo o que se passa em diferentes regiões do planeta.

Kremlin: Rússia segue considerando Zelensky presidente da Ucrânia

© Sputnik / Aleksei Vitvitsky / Abrir o banco de imagensEm Bruxelas, o presidente ucraniano, Vladimir Zelensky, discursa durante encontro da União Europeia, em 15 de dezembro de 2021
Em Bruxelas, o presidente ucraniano, Vladimir Zelensky, discursa durante encontro da União Europeia, em 15 de dezembro de 2021 - Sputnik Brasil, 1920, 01.03.2022
Nos siga noTelegram
De acordo com Dmitry Peskov, porta-voz presidencial da Rússia, o país segue considerando Vladimir Zelensky o presidente legítimo da Ucrânia.
"Sim, continua, ele é o presidente da Ucrânia", afirmou Peskov ao ser questionado se o Kremlin continua considerando Zelensky como presidente legítimo do país.
Até a manhã de segunda-feira (28), mais de 1.100 alvos foram atingidos, incluindo aeródromos, postos de comando, estações de radar, entre outros.
O Ministério da Defesa russo informou que as forças do país atacaram infraestruturas militares e tropas ucranianas, enquanto os civis não foram ameaçados. Além disso, ressaltou que a ação não visa a ocupação da Ucrânia.
Флаги России и Украины в зале, где пройдут переговоры - Sputnik Brasil, 1920, 28.02.2022
Panorama internacional
Negociações Rússia-Ucrânia terminaram em Gomel
Em declaração feita nesta quinta-feira (24), o presidente russo, Vladimir Putin, anunciou o início de uma operação militar especial na região de Donbass, onde ficam as repúblicas populares de Donetsk e Lugansk (RPD e RPL, respectivamente).
A Defesa russa informou que as Forças Armadas do país não realizam ataques aéreos, de foguetes ou de artilharia contra as cidades da Ucrânia.
As tensões entre os dois países já vinham aumentando nos últimos meses devido a uma aproximação da Ucrânia à Organização do Tratado do Atlântico Norte (OTAN) e à possibilidade de instalação de poderosos armamentos ocidentais perto das fronteiras russas.
Feed de notícias
0
Para participar da discussão
inicie sessão ou cadastre-se
loader
Bate-papos
Заголовок открываемого материала