Membros da comitiva de uma delegação em frente da sede das Nações Unidas durante a 76ª sessão da Assembleia Geral da ONU em Nova York, 21 de setembro de 2021 - Sputnik Brasil, 1920, 09.11.2021
Panorama internacional
Notícias sobre eventos de todo o mundo. Siga informado sobre tudo o que se passa em diferentes regiões do planeta.

Moscou: com o apoio do Exército russo, milícias populares de Donetsk e Lugansk lançam contraofensiva

© Sputnik / Sergei AverinMiliciano da República Popular de Donetsk na cidade de Enakievo
Miliciano da República Popular de Donetsk na cidade de Enakievo - Sputnik Brasil, 1920, 24.02.2022
Nos siga noTelegram
As Forças Armadas russas efetuam apoio de fogo aos militares das repúblicas populares de Donetsk e Lugansk, disse nesta quinta-feira (24) major-general Igor Konashenkov representante oficial do Ministério da Defesa da Rússia.
Nesta manhã (24), após prolongados combates para repelir a agressão das forças ucranianas, as milícias populares da repúblicas de Donetsk (RPD) e Lugansk (RPL) efetuaram a mobilização e criaram unidades militares, informa a entidade de Defesa da Rússia.

"Atualmente eles [as forças das repúblicas populares] lançaram uma contraofensiva com o apoio das Forças Armadas da Rússia", declarou.

"Eles romperam a primeira linha escalonada de defesa, bem equipada do ponto de vista de engenharia, das Forças Armadas da Ucrânia", acrescentou Konashenkov.
Segundo o Ministério da Defesa da Rússia, o Serviço de Segurança da Ucrânia está preparando e mesmo já executando provocações semelhantes às dos Capacetes Brancos.

Provocações das Forças Armadas da Ucrânia

"Nas cidades ucranianas foram encenadas filmagens de supostas 'vítimas em massa' entre a população civil da Ucrânia. Os vídeos estão sendo difundidos através de canais do Telegram e redes sociais. O seu objetivo é acusar a Rússia de ataques alegadamente indiscriminados e desproporcionados para intimidar a população civil e para transmissão nos canais de TV ocidentais", afirmou Konashenkov.

O representante oficial do Ministério da Defesa da Rússia sublinhou mais uma vez que o Exército russo não está atacando cidades ucranianas, não há ameaça para a população civil.
Forças ucranianas continuam realizando ataques contra as cidades de Donbass, há vítimas entre os civis, afirmou Konashenkov.
"Unidades das Forças Armadas da Ucrânia continuam a disparar contra as cidades pacíficas de Donbass. Há vítimas entre a população civil das repúblicas populares de Donetsk e Lugansk", disse.
Situação em Donbass - Sputnik Brasil, 1920, 24.02.2022
Panorama internacional
Dados de inteligência mostram que unidades do Exército ucraniano deixam suas posições, diz Rússia
Em declaração nesta quinta-feira (24), o presidente russo, Vladimir Putin, anunciou o início de uma operação militar especial na região de Donbass, onde ficam as repúblicas populares de Donetsk e Lugansk.
Feed de notícias
0
Para participar da discussão
inicie sessão ou cadastre-se
loader
Bate-papos
Заголовок открываемого материала