Membros da comitiva de uma delegação em frente da sede das Nações Unidas durante a 76ª sessão da Assembleia Geral da ONU em Nova York, 21 de setembro de 2021 - Sputnik Brasil, 1920, 09.11.2021
Panorama internacional
Notícias sobre eventos de todo o mundo. Siga informado sobre tudo o que se passa em diferentes regiões do planeta.

'Teria sido mais sensato não construir o Nord Stream 2', diz ministro da Economia da Alemanha

© REUTERS / POOLVice-chanceler e ministro da Economia da Alemanha Robert Habeck durante coletiva de imprensa em 22 de fevereiro de 2022
Vice-chanceler e ministro da Economia da Alemanha Robert Habeck durante coletiva de imprensa em 22 de fevereiro de 2022 - Sputnik Brasil, 1920, 23.02.2022
Nos siga noTelegram
Hoje, quarta-feira (23), o vice-chanceler e ministro da Economia da Alemanha, Robert Habeck, disse que teria sido melhor se a Alemanha não tivesse construído o gasoduto Nord Stream 2, uma vez que a Europa precisa de fontes de energia diversificadas.
"Teria sido mais sensato não construir o Nord Stream 2, uma vez que precisamos na Europa de um quadro energético diversificado, em vez de acumular riscos no mar Báltico", disse o político no canal de televisão ARD.
Na opinião do ministro, existiu por demasiado tempo "uma ilusão" de que o projeto podia ser considerado apenas do ponto de vista econômico. Atualmente a política energética está ligada à política de segurança, afirmou.
A autorização para início de funcionamento do gasoduto foi congelada porque é necessário avaliá-lo novamente levando em consideração o desenvolvimento atual das questões geopolíticas, resumiu Habeck.

Empresa alemã Munich Re cancela contrato sobre Nord Stream 2, diz Bloomberg

A Munich Re, uma resseguradora alemã, informou sobre o cancelamento do contrato referente ao gasoduto Nord Stream 2 (Corrente do Norte 2), conforme a agência Bloomberg.
Chanceler da Alemanha, Olaf Scholz, durante reunião sobre a crise da Ucrânia com líderes dos Países Bálticos, em Berlim, 10 de fevereiro de 2022 - Sputnik Brasil, 1920, 22.02.2022
Panorama internacional
Scholz quer interromper certificação do gasoduto Nord Stream 2
No início desta semana, o chanceler da Alemanha, Olaf Scholz, pediu ao ministro da Economia de seu país que tomasse "as medidas administrativas necessárias" para suspender a certificação do gasoduto russo-alemão Nord Stream 2. Trata-se da retirada do documento do ministério, com base do qual a Agência Federal de Redes certificou o operador do gasoduto.
O destino do gasoduto promovido pela Rússia (que já está construído mas continua parado) tem sido discutido de forma ativa em Berlim em meio à tensão em torno da Ucrânia. Vários políticos alemães, inclusive a chefe da diplomacia do país, Annalena Baerbock, exortam a incluir o gasoduto nas novas sanções contra Moscou, enquanto Scholz disse que, no caso de escalada, "nada será descartado".
Feed de notícias
0
Para participar da discussão
inicie sessão ou cadastre-se
loader
Bate-papos
Заголовок открываемого материала