Membros da comitiva de uma delegação em frente da sede das Nações Unidas durante a 76ª sessão da Assembleia Geral da ONU em Nova York, 21 de setembro de 2021 - Sputnik Brasil, 1920, 09.11.2021
Panorama internacional
Notícias sobre eventos de todo o mundo. Siga informado sobre tudo o que se passa em diferentes regiões do planeta.

Itamaraty 'lamenta' comentários da Casa Branca sobre declarações de Bolsonaro na Rússia

© Sputnik / Sergei KarpukhinPresidente do Brasil, Jair Bolsonaro, durante a cerimônia de aposição floral no Túmulo do Soldado Desconhecido no centro de Moscou, Rússia, 16 de fevereiro de 2022.
Presidente do Brasil, Jair Bolsonaro, durante a cerimônia de aposição floral no Túmulo do Soldado Desconhecido no centro de Moscou, Rússia, 16 de fevereiro de 2022. - Sputnik Brasil, 1920, 19.02.2022
Nos siga noTelegram
Neste sábado (19), o Ministério das Relações Exteriores do Brasil emitiu uma nota lamentando os comentários da porta-voz da Casa Branca, Jen Psaki, relativamente às declarações do presidente brasileiro Bolsonaro durante sua visita à Rússia.
Na sexta-feira (18), a Casa Branca criticou a visita de Jair Bolsonaro a Moscou e suas declarações de que o Brasil "está solidário" com o lado russo.
"O que eu diria é que a grande maioria da comunidade global está unida em sua visão. Acho que o Brasil pode estar do outro lado de onde está a maioria da comunidade global", disse Psaki durante a coletiva de imprensa.
O Itamaraty em comunicado informou que "lamenta o teor da declaração da porta-voz", acrescentando que "as posições do Brasil sobre a situação da Ucrânia são claras, públicas e foram transmitidas em repetidas ocasiões às autoridades dos países amigos e manifestadas no âmbito do Conselho de Segurança das Nações Unidas (CSNU)".
Por isso, a chancelaria do Brasil "não considera construtivas, nem úteis extrapolações semelhantes a respeito da fala do presidente".
Bolsonaro teve um encontro com o presidente russo, Vladimir Putin, no Kremlin na quarta-feira (16). Antes da reunião, ele disse que estava "muito feliz e honrado pelo convite". Putin e Bolsonaro prometeram ampliar a cooperação e a integração entre a Rússia e o Brasil.
Presidente do Brasil, Jair Bolsonaro, durante o encontro com Vladimir Putin em Moscou, 16 de fevereiro de 2022. - Sputnik Brasil, 1920, 16.02.2022
Panorama internacional
'Putin busca a paz': Bolsonaro revela se questão da Ucrânia foi discutida no encontro em Moscou
Antes da visita de Bolsonaro à Rússia, a agência Reuters informou que o governo dos EUA pediu ao mandatário que cancelasse sua visita devido às tensões entre Washington e Moscou. Mais tarde, o líder brasileiro respondeu que "o Brasil é um país soberano" e busca a paz.
Feed de notícias
0
Para participar da discussão
inicie sessão ou cadastre-se
loader
Bate-papos
Заголовок открываемого материала