Membros da comitiva de uma delegação em frente da sede das Nações Unidas durante a 76ª sessão da Assembleia Geral da ONU em Nova York, 21 de setembro de 2021 - Sputnik Brasil, 1920, 09.11.2021
Panorama internacional
Notícias sobre eventos de todo o mundo. Siga informado sobre tudo o que se passa em diferentes regiões do planeta.

Partido Republicano dos EUA apresenta pacote de sanções contra a Rússia

CC BY 2.0 / Stephen Melkisethian / Prédio do Congresso dos EUA, Washington
Prédio do Congresso dos EUA, Washington - Sputnik Brasil, 1920, 15.02.2022
Nos siga noTelegram
Legisladores do Partido Republicano dos EUA no Senado apresentaram um projeto de lei para sancionar Moscou e apoiar Kiev no caso de uma "invasão" russa contra a Ucrânia.
De acordo com uma cópia do documento obtida pela Sputnik nesta terça-feira (15), a legislação imporia custos a Moscou, incluindo sanções a bancos e ao gasoduto Nord Stream 2 (Corrente do Norte 2).
Os parlamentares republicanos também sugerem um apoio à Ucrânia de US$ 500 milhões (R$ 2,5 bilhões) em financiamento militar estrangeiro.
Dos US$ 500 milhões (R$ 2,5 bilhões), US$ 250 milhões (R$ 1,2 bilhão) seriam para "financiamento de emergência", e US$ 100 milhões (R$ 515 milhões) seriam para "assistência em áreas críticas como defesa aérea, capacidades anti-blindagem e anti-navio".
O plano cita intenção de combater a suposta "influência maligna russa", aumentando o financiamento para esforços de "combate à desinformação", acrescentou o texto.
Senado dos EUA em Washington  - Sputnik Brasil, 1920, 10.02.2022
Panorama internacional
Senado dos EUA vive 'impasse' sobre sanções ao Nord Stream 2
O senador dos EUA Jim Risch, membro sênior do Comitê de Relações Exteriores do Senado, foi o responsável por entregar as propostas nesta terça-feira (15), representando a maioria de seus colegas republicanos.
O pacote de sanções liderado pelo Partido Republicano chega ao Senado após semanas de negociações fracassadas entre republicanos e democratas.
Os republicanos afirmam ainda que a introdução da Lei de Nunca Ceder o Território da Europa (NYET, na sigla em inglês) serve para fornecer o apoio que a Ucrânia precisa para se "defender e deter a agressão russa", enquanto impõe custos reais ao Kremlin.
Após o discurso, o senador democrata Menendez classificou a medida como uma "postura partidária", dizendo que não era tarde demais para democratas e republicanos alcançarem um "avanço diplomático" em um pacote de sanções bipartidárias.
Brasão da Rússia na porta da Embaixada da Rússia em Londres, Reino Unido, 12 de fevereiro de 2022 - Sputnik Brasil, 1920, 15.02.2022
Panorama internacional
Alegações sobre 'invasão russa' são 'uma loucura maníaca' midiática, diz Peskov
As possíveis sanções dos EUA contra a Rússia acontecem em um momento em que a OTAN (Organização do Tratado Atlântico Norte) e os EUA acusam a Rússia de um acúmulo de tropas perto da fronteira ucraniana.
Moscou negou qualquer plano de invasão, apontando para a atividade militar da OTAN perto das fronteiras russas, que considera uma ameaça à sua segurança nacional. A Rússia também disse que tem o direito de mover suas forças dentro de seu próprio território.
Feed de notícias
0
Para participar da discussão
inicie sessão ou cadastre-se
loader
Bate-papos
Заголовок открываемого материала