Pessoas usando máscaras de proteção caminham por rua em Paris, França, 27 de maio de 2021 - Sputnik Brasil, 1920, 09.11.2021
Sociedade e cotidiano
As principais notícias, reportagens e artigos sobre sociedade e a rotina cotidiana.

Reator de fusão nuclear europeu bate recorde de produção energética (VÍDEO)

© Foto / Christopher Roux / CEA-IRFMO reator experimental Joint European Torus (JET, na sigla em inglês) é o maior do mundo
O reator experimental Joint European Torus (JET, na sigla em inglês) é o maior do mundo - Sputnik Brasil, 1920, 10.02.2022
Nos siga noTelegram
O reator experimental Joint European Torus (JET, na sigla em inglês) é o maior do mundo e vem sendo testado desde a década de 1980.
O recorde de energia foi registrado no dia 21 de dezembro de 2021 e apresentado nesta quarta-feira (9). De acordo com informações divulgadas pela Science, o JET conseguiu liberar 59 megajoules em pulsos de energia durante cinco segundos, batendo seu próprio recorde, de 22 megajoules, estabelecido 25 anos atrás.

"Poder observar os registros de que ele [o reator JET] consegue sustentar todo esse nível de energia durante cinco segundos completos é impressionante", comemorou o diretor do Laboratório de Física de Plasmas de Princeton, nos EUA, Steven Cowley.

Infelizmente o feito realizado pelo reator ainda não significa que vamos começar a produção de energia limpa com a fusão nuclear. Para bater o recorde, o JET gastou três vezes mais energia do que produziu.
Criando uma mini-estrela na Terra. O reator JET quebrou seu próprio recorde mundial de produção de energia.
Todos os dados e análises registrados durante os testes com o JET serão aplicados no Reator Experimental Termonuclear Internacional (ITER, na sigla em inglês), o novo reator, que está sendo construído na França, terá capacidade de produzir dez vezes mais energia. O ITER é uma parceria internacional entre diversos países como China, Estados Unidos, Rússia, Japão e a União Europeia.
Sistema de lasers da Instalação Nacional de Ignição dos EUA (NIF, na sigla em inglês) - Sputnik Brasil, 1920, 28.01.2022
Sociedade e cotidiano
Cientistas dos EUA buscam desenvolver 'sol artificial' para produzir fonte de energia eterna
As experiências com o JET forneceram lições fundamentais aos designers do ITER. Por exemplo, o JET tinha um revestimento de carbono que não derrete facilmente, mas que acabou por "absorver combustível como uma esponja", contou Fernanda Rimini, especialista em operações com plasma no JET. Por isso, o ITER está sendo construído com revestimento de berílio e tungstênio.
Os últimos resultados positivos do reator europeu também são uma espécie de despedida. Segundo o chefe de operações, Joe Milnes, o JET fará a sua série final de testes, que se encerra em 2023. A previsão dos especialistas é que o ITER esteja em pleno funcionamento a partir de 2025.

"[O JET] foi o experimento de fusão mais bem-sucedido de todos os tempos, mas chegou a hora de entregar o bastão ao ITER", disse Milnes.

Feed de notícias
0
Para participar da discussão
inicie sessão ou cadastre-se
loader
Bate-papos
Заголовок открываемого материала