Membros da comitiva de uma delegação em frente da sede das Nações Unidas durante a 76ª sessão da Assembleia Geral da ONU em Nova York, 21 de setembro de 2021 - Sputnik Brasil, 1920, 09.11.2021
Panorama internacional
Notícias sobre eventos de todo o mundo. Siga informado sobre tudo o que se passa em diferentes regiões do planeta.

Bundestag exorta Ucrânia a moderar retórica com Alemanha, enquanto Kiev pede armas

CC BY 2.0 / Wir. Dienen. Deutschland. / Um militar do exército alemão
Um militar do exército alemão - Sputnik Brasil, 1920, 05.02.2022
Nos siga noTelegram
Ucrânia tem criticado a Alemanha por ela não querer se juntar a outros aliados da OTAN no fornecimento de armas letais a Kiev. Autoridades e meios de comunicação ocidentais têm sugerido durante várias semanas que Moscou está se preparando para uma suposta invasão do país vizinho.
Marie-Agnes Strack-Zimmermann, presidente da Comissão de Defesa do Bundestag (Parlamento alemão) apelou às autoridades ucranianas para moderarem o seu tom quando exigem ajuda em forma de armamentos por parte da Alemanha.
"Eu entendo perfeitamente que as autoridades ucranianas em Kiev estejam no limite por causa da ameaça colocada pelo Exército russo. Mas não consigo entender os ataques verbais constantes contra nós por parte de alguns [funcionários] ucranianos", disse Strack-Zimmermann citada pelo jornal Die Welt.
"Nos últimos anos, a Alemanha tem proporcionado à Ucrânia importante ajuda, por um senso de responsabilidade e amizade. No calor da batalha emocional, representantes ucranianos não devem confundir amigos e inimigos. Um pouco de moderação seria bom", acrescentou a presidente da Comissão de Defesa.
Na sexta-feira (4), a agência de notícias alemã DPA informou que Kiev havia enviado uma lista de armas que quer que a Alemanha forneça, e criticou Berlim por "não prestar o apoio militar de que necessita no seu impasse com a Rússia".
A Ucrânia reclama há muito tempo por a Alemanha não fornecer o apoio militar de que necessita no seu impasse com a Rússia. Agora enviou uma "lista de desejos" para Berlim.
De acordo com a agência, as armas solicitadas por Kiev incluem sistemas de mísseis antiaéreos de médio alcance, sistemas de mísseis antiaéreos portáteis, armas antidrone, sistemas de rastreamento eletrônico, dispositivos de visão noturna, câmeras de vigilância, e munições, sendo todos os equipamentos listados por Kiev como armas "de natureza defensiva".
Anteriormente, o embaixador da ucraniano na Alemanha, Andrei Melnik, criticou a ministra da Defesa, Christine Lambrecht, pela decisão de fornecer apenas 5.000 capacetes. A medida foi classificada como uma "verdadeira piada" pelo prefeito de Kiev, Vitaly Klichko, que pediu a Berlim para enviar armas letais.
Feed de notícias
0
Para participar da discussão
inicie sessão ou cadastre-se
loader
Bate-papos
Заголовок открываемого материала