Membros da comitiva de uma delegação em frente da sede das Nações Unidas durante a 76ª sessão da Assembleia Geral da ONU em Nova York, 21 de setembro de 2021 - Sputnik Brasil, 1920, 09.11.2021
Panorama internacional
Notícias sobre eventos de todo o mundo. Siga informado sobre tudo o que se passa em diferentes regiões do planeta.

Rússia vai desenvolver centro de comando aéreo para controlar todos seus drones

© Foto / Kalashnikov MediaDrone kamikaze ZALA Lancet na apresentação anual do consórcio de armas russo Kalashnikov, em Moscou, Rússia
Drone kamikaze ZALA Lancet na apresentação anual do consórcio de armas russo Kalashnikov, em Moscou, Rússia - Sputnik Brasil, 1920, 03.02.2022
Nos siga noTelegram
O Ministério da Defesa russo ordenou a criação de centros especiais de comando aéreo para lidar com a nova geração de drones, segundo uma fonte da indústria militar do país. Além de ser menos sensível a ataques, esse posto de comando também vai aumentar o raio de ação limitado dos dispositivos.
Os centros de controle vão se basear em aeronaves e helicópteros e gerenciar grupos de veículos aéreos não tripulados de todos os tamanhos e finalidades, independentemente do ramo das Forças Armadas a que pertençam. Isso vai aumentar o alcance da comunicação e garantir sua confiabilidade.

"O principal problema com os drones russos é seu alcance insuficiente. Mesmo dispositivos grandes podem operar a uma distância máxima de 200 a 250 km de estações de controle em terra", revelou o especialista militar Vladislav Shurigin à mídia russa Izvestia.

Postos de comando baseados em helicópteros não são usados no momento, no entanto, eles estão sendo projetados com base nos novos helicópteros de transporte Mi-38T encomendados pelo Ministério da Defesa russo.
O Mi-38T é um helicóptero militar multimissão fabricado pela Fábrica de Helicópteros de Kazan, uma subsidiária da Vertolyoty Rossii (Helicópteros da Rússia). É uma variante militar do helicóptero civil multifuncional certificado Mi-38.
A primeira unidade do modelo, que tem médio alcance, foi entregue ao Ministério da Defesa da Rússia em dezembro de 2019, enquanto a segunda foi em janeiro de 2020.
Feed de notícias
0
Para participar da discussão
inicie sessão ou cadastre-se
loader
Bate-papos
Заголовок открываемого материала