- Sputnik Brasil, 1920
Notícias do Brasil
Notícias sobre política, economia e sociedade do Brasil. Entrevistas e análises de especialistas sobre assuntos que importam ao país.

Novas câmeras da PM de SP emitirão alerta para envio de reforço mesmo que PM não consiga fazê-lo

© Foto / Rovena Rosa/Agência BrasilEm São Paulo, viaturas da Polícia Militar participam de reintegração de posse no Centro Paula Souza, em 6 de maio de 2016
Em São Paulo, viaturas da Polícia Militar participam de reintegração de posse no Centro Paula Souza, em 6 de maio de 2016 - Sputnik Brasil, 1920, 31.01.2022
Nos siga noTelegram
Sistema de câmeras vem sendo implantado desde 2016 na PM de São Paulo, mas ganhou impulso, de fato, em 2021 com a nova tecnologia "grava-tudo". Agora, além de registrar a cena, sistema emite alerta para central mesmo que policial não esteja em condições de comunicar emergência.
Nesta segunda-feira (31), começa a ser implementado na Polícia Militar de São Paulo um conjunto de novas câmeras corporais que permitirá o envio de reforços a policiais em situações de confronto, mesmo que os policiais não consigam avisar sobre a ocorrência, segundo a Folha de São Paulo.
Isso acontecerá porque as câmeras terão um sistema que permite o reconhecimento do barulho de disparos de armas de fogo, acionando automaticamente o Centro de Operações da PM (Copom) e alertando sobre a possibilidade de haver equipe em situação de emergência.
"O pessoal do Copom, ao visualizar o alerta, aciona a COP [câmera corporal] do PM, o georreferenciamento [localização], já avisa às outras viaturas que aquela equipe está em situação de disparo de arma de fogo, e encaminha o reforço para o local", disse o porta-voz da PM, o major Rodrigo Cabral, citado pela mídia.
Ainda de acordo com o oficial, essa tecnologia dará ao comando uma melhor "consciência situacional" da ocorrência, ao permitir que o operador se coloque na cena do crime e observe detalhes que o PM envolvido no confronto não consegue.
Em São Paulo, um policial testa equipamento de filmagem para fardas, em 26 de março de 2018 - Sputnik Brasil, 1920, 19.01.2022
Notícias do Brasil
'Polícia não pode ser partidária': especialista comenta nova regra da PM de SP sobre redes sociais
Os cerca de 2.500 novos equipamentos incorporados ao programa Olho Vivo, têm a tecnologia "grava-tudo" a qual permite transmissão ao vivo das imagens das câmeras acopladas na farda de policiais. O equipamento também passa a gravar em alta definição e com som, para melhorar a prova a ser utilizada em eventual investigação.
"Eu vejo que o PM está efetuando disparos contra um suspeito de moto. Também vejo que o cara da moto está de camiseta vermelha, coisas que o policial militar, muitas vezes, pelo nervoso do momento, não consegue informar. Ele não consegue informar a rua em que está, não consegue passar as características, porque está numa situação de vida ou morte. Visão em túnel", relata Cabral.
Com as 2.500 câmeras adicionadas ao programa nesta segunda, serão 33 batalhões equipados no estado. Até agosto, serão mais 4.500 câmeras incorporadas. Sendo assim, até o fim deste ano, dez mil equipamentos devem estar em uso.
Policiais militares caminham por ruas da localidade conhecida como Alvorada, no Complexo de Favelas do Morro do Alemão, no Rio de Janeiro - Sputnik Brasil, 1920, 12.05.2021
Notícias do Brasil
Jacarezinho: após operação, deputados do Rio aprovam uso de câmeras em uniformes da polícia
Feed de notícias
0
Para participar da discussão
inicie sessão ou cadastre-se
loader
Bate-papos
Заголовок открываемого материала