Membros da comitiva de uma delegação em frente da sede das Nações Unidas durante a 76ª sessão da Assembleia Geral da ONU em Nova York, 21 de setembro de 2021 - Sputnik Brasil, 1920, 09.11.2021
Panorama internacional
Notícias sobre eventos de todo o mundo. Siga informado sobre tudo o que se passa em diferentes regiões do planeta.

Mais novo porta-aviões dos EUA pode não ser capaz de se defender como esperado

© Seaman Riley McDowellO porta-aviões da classe Ford, USS Gerald R. Ford (CVN 78) e o porta-aviões da classe Nimitz, USS Harry S. Truman (CVN 75) transitam pelo Oceano Atlântico 4 de junho de 2020
O porta-aviões da classe Ford, USS Gerald R. Ford (CVN 78) e o porta-aviões da classe Nimitz, USS Harry S. Truman (CVN 75) transitam pelo Oceano Atlântico 4 de junho de 2020 - Sputnik Brasil, 1920, 25.01.2022
Nos siga noTelegram
Novo relatório identificou "várias deficiências de projeto" na embarcação que não haviam sido detectadas anteriormente.
Segundo a Bloomberg, o porta-aviões de US$ 13 bilhões (cerca de R$ 71 bilhões), o USS Gerald R. Ford, está aumentando as preocupações do Pentágono depois que uma nova avaliação observou que a embarcação "ainda está para demonstrar que pode efetivamente" se defender contra mísseis antinavio e outras ameaças.
O relatório detalha que os interceptores de mísseis do navio, radares e sistemas de disseminação de dados funcionaram de forma inconsistente em condições de teste, limitando a capacidade do navio de destruir armas hostis direcionadas contra ele.
O escritório de testes do Pentágono disse que uma avaliação dos principais sistemas "identificou várias deficiências de projeto não descobertas anteriormente", acrescentando que a Marinha já havia destacado áreas onde a embarcação e seus três navios irmãos poderiam ser aprimorados para melhorar a capacidade de sobrevivência.
Sua deficiência em neutralizar as ameaças recebidas era aparente, embora os sistemas de sensores "detectassem, rastreassem e engajassem satisfatoriamente os alvos", disse a avaliação.
Militares do navio de patrulha USS Chinook, dos EUA, revistam embarcação de pesca apátrida transitando em águas internacionais do golfo de Omã, 18 de janeiro de 2022 - Sputnik Brasil, 1920, 23.01.2022
Panorama internacional
Marinha dos EUA diz ter detido navio carregando material explosivo navegando do Irã ao Iêmen (FOTO)
Ainda segundo o escritório de testes, o sistema da embarcação semelhante a uma metralhadora Gatling também "passou por inúmeras falhas de confiabilidade que, em vários casos, impediram o sistema de executar sua missão".
O relatório, que contém informações não classificadas e "não classificadas controladas", já foi distribuído para a Marinha, disse a Bloomberg. O escritório de testes alegou que se trata "apenas de uma avaliação limitada" da eficácia de que o sistema de combate é atualmente capaz e observou que o escritório de testes planeja enviar um relatório provisório ao Congresso até 30 de setembro.
A embarcação, a primeira de uma nova classe de porta-aviões movidos a energia nuclear que pretende projetar o poder dos EUA em todo o mundo, tem enfrentado problemas de confiabilidade desde que foi entregue à Marinha, há quatro anos.
Em janeiro passado, um relatório semelhante destacou problemas com os sistemas de decolagem e aterrissagem de última geração do navio. A avaliação mais recente também observou a "confiabilidade baixa ou desconhecida" de seus sistemas de lançamento e recuperação de aeronaves.
Feed de notícias
0
Para participar da discussão
inicie sessão ou cadastre-se
loader
Bate-papos
Заголовок открываемого материала