Pessoas usando máscaras de proteção caminham por rua em Paris, França, 27 de maio de 2021 - Sputnik Brasil, 1920, 09.11.2021
Sociedade e cotidiano
As principais notícias, reportagens e artigos sobre sociedade e a rotina cotidiana.

Rover chinês Yutu-2 revela pela 1ª vez que lado oculto da Lua tem solo pegajoso

© Foto / CNSAYutu-2 sai do módulo de pouso Chang'e 4 para a superfície lunar em janeiro de 2019
Yutu-2 sai do módulo de pouso Chang'e 4 para a superfície lunar em janeiro de 2019 - Sputnik Brasil, 1920, 22.01.2022
Nos siga noTelegram
A sujeira tende a ficar presa nas rodas do rover, mas ainda não impediu seu movimento. O lado oculto da Lua é um lugar muito diferente do lado mais próximo à Terra.
De superfície mais acidentada e repleta de crateras, é um lugar quase desprovido dos oceanos de lava solidificada que pontilham o lado que observamos. Ele tem uma composição diferente, com menos elementos radioativos.
Em recente artigo publicado quinta-feira (19) na Science Robotics, divulgado pela Astronomy, pesquisadores chineses atualizaram as informações sobre o rover Yutu-2, que pousou no nosso satélite natural em 2019 com a Chang'e 4, a primeira missão a pousar no lado oculto da Lua.
A equipe revelou que uma das coisas mais impressionantes que o Yutu-2 encontrou até agora é o solo lunar pegajoso. Imagens tiradas pelo módulo de pouso Chang’e 4 mostram que grande parte da fina malha de metal das rodas do rover está coberta de sujeira que ele acumulou enquanto rolava pela superfície lunar.
Diferentemente de seu antecessor, o Yutu, que desembarcou na Lua em 2013 e a explorou por dois anos e cinco meses, tendo apenas alguma poeira fina grudada nas rodas, o Yutu-2, de design muito semelhante, apresenta grumos de sujeira acumulada em suas rodas.
Foto da cabana misteriosa na cratera Von Karman, tirada pelo rover lunar Yuytu-2 - Sputnik Brasil, 1920, 10.01.2022
Sociedade e cotidiano
Cientistas analisam mais de perto o misterioso 'cubo lunar' (FOTOS)
Os pesquisadores escrevem que essa diferença no solo provavelmente está relacionada às condições do lado lunar escuro. Embora os cientistas não tenham estabelecido exatamente o motivo, a atividade vulcânica no lado distante parece ter cessado mais cedo do que no lado mais próximo, o que significa que a superfície do lado distante é mais antiga.
Quando o solo lunar (chamado de regolito) é exposto às duras condições do espaço por milhões de anos, ele absorve impactos repetidos de micrometeoritos, um processo chamado de intemperismo espacial. O impacto dessas partículas não apenas pulveriza a sujeira em partículas mais finas, mas também as derrete e as funde em esferas vítreas maiores de formato irregular, chamados aglutinados.
A equipe do Yutu-2 alega que esta possa ser a razão pela qual o solo do outro lado é tão grumoso. As formas irregulares dos aglutinados são capazes de se entrelaçar mais facilmente, formando grandes torrões de sujeira.
Como a superfície lunar do lado oculto é mais antiga, enfrentando mais intempéries, faz sentido que ela tenha um nível mais alto de aglutinados. A Yutu-2 foi o primeiro rover explorador a pisar no regolito do outro lado da Lua.
Feed de notícias
0
Para participar da discussão
inicie sessão ou cadastre-se
loader
Bate-papos
Заголовок открываемого материала