Membros da comitiva de uma delegação em frente da sede das Nações Unidas durante a 76ª sessão da Assembleia Geral da ONU em Nova York, 21 de setembro de 2021 - Sputnik Brasil, 1920, 09.11.2021
Panorama internacional
Notícias sobre eventos de todo o mundo. Siga informado sobre tudo o que se passa em diferentes regiões do planeta.

OTAN não desistirá da presença de forças no Leste Europeu, diz porta-voz da aliança

© AP Photo / Virginia MayoEm Bruxelas, a porta-voz da OTAN, Oana Lungescu (destaque), participa de uma coletiva de imprensa, em 23 de março de 2011
Em Bruxelas, a porta-voz da OTAN, Oana Lungescu (destaque), participa de uma coletiva de imprensa, em 23 de março de 2011 - Sputnik Brasil, 1920, 21.01.2022
Nos siga noTelegram
A Organização do Tratado do Atlântico Norte (OTAN) não pretende abandonar sua presença militar na porção oriental da Europa, disse a porta-voz da organização, Oana Lungescu, à Sputnik.
A declaração vem em meio às tensões na fronteira entre Rússia e Ucrânia, com envolvimento de questões relacionadas à OTAN. Mais cedo, o Ministério das Relações Exteriores da Rússia afirmou que as propostas de Moscou para garantias de segurança na região incluem a retirada das forças da OTAN da Bulgária e da Romênia. Os países foram incorporados à aliança depois de 1997.
"A OTAN não renunciará à nossa capacidade de proteger e defender uns aos outros, inclusive com a presença de tropas na parte leste da aliança", disse Lungescu.
A porta-voz da OTAN também acrescentou que a aliança militar permanece "vigilante e continua avaliando a necessidade de reforçar a porção oriental da aliança". Segundo Lungescu, a OTAN fortalecerá a defesa coletiva em resposta à deterioração do ambiente de segurança.
© AP Photo / Alexei AlexandrovNa região de Yasne, leste da Ucrânia, um soldado ucraniano se posiciona em uma trincheira na fronteira com a República Popular de Donetsk, em 14 de janeiro de 2022
Na região de Yasne, leste da Ucrânia, um soldado ucraniano se posiciona em uma trincheira na fronteira com a República Popular de Donetsk, em 14 de janeiro de 2022 - Sputnik Brasil, 1920, 21.01.2022
Na região de Yasne, leste da Ucrânia, um soldado ucraniano se posiciona em uma trincheira na fronteira com a República Popular de Donetsk, em 14 de janeiro de 2022
A porta-voz também comentou diretamente as propostas divulgadas por Moscou, afirmando que elas são inaceitáveis.
"As exigências da Rússia criariam membros da OTAN de primeira e segunda classe, o que não podemos aceitar. Rejeitamos qualquer ideia de esferas de influência na Europa. Sempre responderemos a qualquer deterioração de nosso ambiente de segurança, inclusive fortalecendo nossa defesa coletiva", conclui Lungescu.
Feed de notícias
0
Para participar da discussão
inicie sessão ou cadastre-se
loader
Bate-papos
Заголовок открываемого материала