Membros da comitiva de uma delegação em frente da sede das Nações Unidas durante a 76ª sessão da Assembleia Geral da ONU em Nova York, 21 de setembro de 2021 - Sputnik Brasil, 1920, 09.11.2021
Panorama internacional
Notícias sobre eventos de todo o mundo. Siga informado sobre tudo o que se passa em diferentes regiões do planeta.

Ataque aéreo dos EUA no Iêmen teria matado um dos comandantes da Al-Qaeda

© AP Photo / Leslie PrattDrone norte-americano MQ-9 Reaper
Drone norte-americano MQ-9 Reaper - Sputnik Brasil, 1920, 21.01.2022
Nos siga noTelegram
Após a retirada dos EUA do Afeganistão em agosto de 2021, o presidente dos EUA, Joe Biden, disse que estava empenhado em garantir que a Al-Qaeda não se reagrupasse, apesar da tomada do país pelo Talibã (organização sob sanções da ONU por atividade terrorista).
A Al-Qaeda (organização terrorista proibida na Rússia e em vários outros países) na Península Arábica (AQAP, na sigla em inglês) anunciou na manhã de sexta-feira (21) a morte de um de seus comandantes, Salih bin Salim bin Ubayd 'Abolan, mais conhecido como Abu Omar al-Hadhrami, em um ataque aéreo dos EUA no Iêmen.
O grupo terrorista não especificou a data e o local da morte. O mais recente ataque aéreo dos EUA no Iêmen foi realizado em 14 de novembro de 2021, e supostamente teria matado três membros do grupo terrorista.
"Mísseis disparados por um drone dos EUA atingiram um veículo que passava na rodovia entre as províncias de al-Bayda e Shabwa, na parte sul do país", disse um oficial militar iemenita à agência chinesa Xinhua.
Segundo escreve a Reuters, Rita Katz, diretora do grupo de inteligência SITE que monitora grupos militantes on-line, informou nesta quinta-feira (20) sobre a morte do referido comandante.
O ministro das Relações Exteriores do novo gabinete do Talibã no Afeganistão, Amir Khan Muttaqi, falou durante uma entrevista à Associated Press em Cabul, Afeganistão, domingo, 12 de dezembro de 2021 - Sputnik Brasil, 1920, 13.12.2021
Panorama internacional
Talibã busca 'boas relações' com todos e está pronto para afundar rivalidade com EUA, diz MRE
De acordo com ela, Abu Omar al-Hadhrami tinha no passado conexões com antigo líder da Al-Qaeda, Osama bin Laden.
A rede da Al-Qaeda na Península Arábica, que opera principalmente no Leste e Sul do Iêmen, tem sido responsável por muitos ataques contra as forças de segurança no país.
Feed de notícias
0
Para participar da discussão
inicie sessão ou cadastre-se
loader
Bate-papos
Заголовок открываемого материала