Cadastro bem-sucedido!
Por favor, siga o link da mensagem enviada para
Pessoas usando máscaras de proteção caminham por rua em Paris, França, 27 de maio de 2021 - Sputnik Brasil, 1920, 09.11.2021
Sociedade e cotidiano
As principais notícias, reportagens e artigos sobre sociedade e a rotina cotidiana.

Arqueólogos revelam a idade do Homo sapiens mais antigo da África

Homo Sapiens figura - Sputnik Brasil, 1920, 12.01.2022
Nos siga no
Um dos fósseis mais antigos do Homo sapiens pode estar até hoje com a sua datação equivocada, garante estudo publicado na revista Nature.
A pesquisa liderada por Céline M. Vidal revelou nesta quarta-feira (12) que um dos fósseis mais antigos do Homo sapiens deve ser cerca de 35.000 anos mais velho do que se pensava anteriormente.
O estudo, que usou cinzas vulcânicas para datar a descoberta, apontou que o Kibish Omo I, descoberto pela primeira vez na Etiópia em 1967, continha fragmentos de ossos e crânios que eram difíceis de datar com precisão.
Por essa razão, especialistas permaneceram por muito tempo divididos sobre sua idade. Geólogos em 2005 analisaram a camada de rocha logo abaixo do fóssil e determinaram que Omo I tinha pelo menos 195.000 anos de idade.
Реконструкция облика неандертальца и Homo sapiensReconstrução de neandertal e Homo sapiens pelos irmãos Kennis no Museu de História Natural de Londres - Sputnik Brasil, 1920, 22.04.2021
Homo sapiens vs. neandertais: ciência revela cereja do bolo que diferenciou espécies evolutivamente
Isso tornou o fóssil de 1967 como o do Homo sapiens mais antigo já descoberto na época. Contudo, a pesquisadora Céline Vidal, especialista em vulcões, disse que para obter uma data mais precisa, era necessário analisar a espessa camada de cinzas depositada acima dos fósseis.
"Na época, isso era quase impossível, já que as cinzas eram tão finas, quase como farinha", disse ela.
No entanto, por meio de métodos mais refinados, a equipe de Vidal conseguiu ligar essa camada de cinzas a uma grande erupção de um vulcão chamado Shala.
De acordo com o estudo, as cinzas revelaram que a camada onde Omo I foi encontrada tem 233.000 anos, com uma margem de erro de 22.000 anos. A pesquisa sustenta que a nova idade mínima para Omo I é mais consistente com as teorias mais recentes da evolução humana.
A nova datação também aproxima o fóssil da idade que é dada ao que são hoje os restos mais antigos do Homo sapiens (o fóssil de Jebel Irhoud), descobertos no Marrocos em 2017, e datados de 300.000 anos atrás.
Bebê dinossauro imagem ilustrativa - Sputnik Brasil, 1920, 21.12.2021
Sociedade e cotidiano
Fóssil de bebê dinossauro perfeitamente preservado é encontrado dentro de seu ovo na China (FOTO)
Feed de notícias
0
Antigas primeiroRecentes primeiro
loader
AO VIVO
Заголовок открываемого материала
Para participar da discussão
inicie sessão ou cadastre-se
loader
Bate-papos
Заголовок открываемого материала