Cadastro bem-sucedido!
Por favor, siga o link da mensagem enviada para
Trabalhador da saúde segura seringa em ponto de vacinação contra a COVID-19 em loja de departamentos GUM de Moscou, Rússia - Sputnik Brasil, 1920, 09.11.2021
Propagação e combate à COVID-19
Informações atuais sobre a dissimilação de coronavírus no Brasil e no mundo. Fique por dentro das principais notícias sobre o tema.

COVID-19: Brasil terá vacina 100% produzida no país a partir de fevereiro

© Folhapress / A7 PressA Fiocruz trabalha na produção de vacinas de Oxford/AstraZeneca contra a COVID-19
A Fiocruz trabalha na produção de vacinas de Oxford/AstraZeneca contra a COVID-19 - Sputnik Brasil, 1920, 07.01.2022
Nos siga no
A Fiocruz espera entregar em fevereiro ao Ministério da Saúde as primeiras doses do imunizante.
A Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) aprovou, nesta sexta-feira (7), o registro do insumo farmacêutico ativo (IFA), da vacina da AstraZeneca contra a COVID-19, fabricado pela Fundação Oswaldo Cruz (Fiocruz).
Com a aprovação, o Brasil terá um imunizante produzido totalmente em território nacional, escreve o portal G1.
A etapa era a última do processo de transferência de tecnologia para a produção da vacina. Agora, o "ingrediente" do imunizante (o IFA) será produzido no país, ao invés de ser importado.
Vale lembrar que o IFA vinha causando problemas para o Ministério da Saúde brasileiro. No ano passado, a Fiocruz precisou atrasar a entrega de vários lotes de vacina em função da falta do insumo.
© AP Photo / Bruna PradoFuncionária mostra frasco da vacina da AstraZeneca contra COVID-19 produzida pela Fiocruz, Rio de Janeiro, 12 de fevereiro de 2021
Funcionária mostra frasco da vacina da AstraZeneca contra COVID-19 produzida pela Fiocruz, Rio de Janeiro, 12 de fevereiro de 2021 - Sputnik Brasil, 1920, 07.01.2022
Funcionária mostra frasco da vacina da AstraZeneca contra COVID-19 produzida pela Fiocruz, Rio de Janeiro, 12 de fevereiro de 2021. Foto de arquivo
A Fiocruz comunicou que tem o equivalente a 21 milhões de doses de IFA nacional, em diferentes etapas de produção e controle de qualidade.
A previsão é a de que as primeiras doses do imunizante sejam envasadas ainda em janeiro e entregues ao Ministério da Saúde no próximo mês.
A Anvisa havia emitido, em abril de 2021, a certificação de boas práticas de fabricação do novo insumo, garantindo que a linha de produção cumpria com todos os requisitos necessários para a garantia da qualidade do IFA.
Desde então, a Fiocruz vinha realizando a produção de lotes de teste para obter a autorização de uso do IFA em território nacional.
Em São Paulo, uma agente de saúde aplica uma dose de vacina contra a COVID-19 em um cidadão, em 16 de novembro de 2021 - Sputnik Brasil, 1920, 06.01.2022
Propagação e combate à COVID-19
Brasil tem 171 mortes e 45,7 mil novos casos de COVID-19 em 24h
Feed de notícias
0
Antigas primeiroRecentes primeiro
loader
Para participar da discussão
inicie sessão ou cadastre-se
loader
Bate-papos
Заголовок открываемого материала