Cadastro bem-sucedido!
Por favor, siga o link da mensagem enviada para
 - Sputnik Brasil, 1920
Notícias do Brasil
Notícias sobre política, economia e sociedade do Brasil. Entrevistas e análises de especialistas sobre assuntos que importam ao país.

Após epidemia no RJ, surto de gripe chega a SP com vírus que escapa de vacina

© Foto / Rodrigo Nunes / Divulgação / Ministério da SaúdeEnfermeira aplica vacina contra gripe em unidade do Sistema Único de Saúde (SUS).
Enfermeira aplica vacina contra gripe em unidade do Sistema Único de Saúde (SUS). - Sputnik Brasil, 1920, 15.12.2021
Nos siga no
O mesmo vírus associado à epidemia de gripe no Rio de Janeiro, o influenza A H3N2, já está circulando na cidade de São Paulo, provocando o aumento de atendimentos nos prontos-socorros e internações em hospitais públicos e privados.
De acordo com a Folha de São Paulo, na terça-feira (14), nove pessoas foram hospitalizadas com o H3N2, e em uma semana as internações já chegaram a 19.
O secretário de Saúde de Salvador, Léo Prates, confirmou na terça-feira (14), que a capital baiana também enfrenta um surto de gripe, registrando 77 casos de influenza em 2021, sendo 74 os casos entre o final de novembro e início de dezembro. Dos 74 casos, 56 são do vírus H3N2.
Embora a vacina contra a gripe usada no programa de imunização tenha na sua composição a cepa H3N2, ela não é a mesma que está circulando atualmente no RJ e em SP.
Pessoas em frente ao Hospital Municipal Albert Schweitzer, no Rio de Janeiro, no Brasil, no dia 15 de abril de 2021 - Sputnik Brasil, 1920, 09.12.2021
Notícias do Brasil
Fiocruz alerta para risco de epidemia de gripe no RJ se espalhar pelo Brasil
A nova cepa, chamada de Darwin, cidade na Austrália onde foi identificada pela primeira vez, consegue escapar da vacina, já que a mesma não cobre esta cepa.
De acordo com especialistas, o melhor a se fazer é continuar com o uso das máscaras faciais e evitar aglomerações, além da higienização das mãos.
O vírus H3N2 é um dos subtipos do vírus influenza, de rápida transmissão e com um período de incubação de dois a três dias, que provoca sintomas como febre alta com início agudo, cefaleia, dores articulares, constipação nasal e inflamação de garganta e tosse, podendo em alguns casos, ocorrer vômito e diarreia.
Feed de notícias
0
Antigas primeiroRecentes primeiro
loader
AO VIVO
Заголовок открываемого материала
Para participar da discussão
inicie sessão ou cadastre-se
loader
Bate-papos
Заголовок открываемого материала