Cadastro bem-sucedido!
Por favor, siga o link da mensagem enviada para
Membros da comitiva de uma delegação em frente da sede das Nações Unidas durante a 76ª sessão da Assembleia Geral da ONU em Nova York, 21 de setembro de 2021 - Sputnik Brasil, 1920, 09.11.2021
Panorama internacional
Notícias sobre eventos de todo o mundo. Siga informado sobre tudo o que se passa em diferentes regiões do planeta.

Presidente colombiano insta os EUA a 'reduzirem a demanda' de cocaína e fazer mais na prevenção

© REUTERS / LUISA GONZALEZUm barco da marinha colombiana patrulha o rio Arauca enquanto um barco da marinha venezuelana permanece ancorado na fronteira entre a Colômbia e a Venezuela, visto de Arauquita, Colômbia, em 28 de março de 2021
Um barco da marinha colombiana patrulha o rio Arauca enquanto um barco da marinha venezuelana permanece ancorado na fronteira entre a Colômbia e a Venezuela, visto de Arauquita, Colômbia, em 28 de março de 2021 - Sputnik Brasil, 1920, 09.12.2021
Nos siga no
Presidente colombiano Iván Duque instou os EUA a fazerem "muito mais na prevenção" e assim reduzirem a demanda por cocaína, droga da qual o seu país é o principal produtor mundial.
O líder colombiano apelou a Washington a trabalhar em conjunto no problema das drogas, garantindo que em seu país foram tomadas medidas para combater esse crime, mas que a alta demanda nos EUA tem feito disparar a produção colombiana.

"No ano passado, vimos o consumo mundial de drogas disparar. Isso inclui os EUA e a Colômbia. Então temos que tomar medidas e temos que fazer mais para a prevenção nos EUA", disse Duque durante uma conferência virtual organizada pelo think tank Conselho Atlântico, sediado em Washington.

"Porque atingimos níveis máximos de intervenção, capturamos chefes de cartéis de droga, mas temos que reduzir a demanda que vem dos EUA", acrescentou.
Cocaína em microondas encontrada pelo Exército colombiano, em uma das duas instalações de produção de cocaína identificadas em um vilarejo no município de Samaniego, departamento de Narino, Colômbia, 23 de novembro de 2021 - Sputnik Brasil, 1920, 24.11.2021
Panorama internacional
Descoberto na Colômbia laboratório que produzia 600 kg de cocaína por mês
De acordo com o Escritório das Nações Unidas sobre Drogas e Crime (UNODC, na sigla em inglês) em 2020, a Colômbia tinha 143.000 hectares de plantações de coca.
No final de novembro, a polícia colombiana fiscalizou uma área rural do país, descobrindo instalações, entre as quais um laboratório, destinadas à produção e distribuição de droga.
Feed de notícias
0
Antigas primeiroRecentes primeiro
loader
Para participar da discussão
inicie sessão ou cadastre-se
loader
Bate-papos
Заголовок открываемого материала