Cadastro bem-sucedido!
Por favor, siga o link da mensagem enviada para
Pessoas usando máscaras de proteção caminham por rua em Paris, França, 27 de maio de 2021 - Sputnik Brasil, 1920, 09.11.2021
Sociedade e cotidiano
As principais notícias, reportagens e artigos sobre sociedade e a rotina cotidiana.

Após ameaçar Terra em 2018, asteroide regressa para 'vingança', relata NASA

© Foto / Pixabay / 12995263Asteroide (imagem referencial)
Asteroide (imagem referencial) - Sputnik Brasil, 1920, 27.11.2021
Nos siga no
Em 27 de dezembro, o asteroide 2018 AH, de 84 a 190 metros de diâmetro, passará próximo de nosso planeta. Ele é o maior a ameaçar potencialmente a Terra desde 1971.
Um grande asteroide, com maior potência que uma bomba nuclear, se aproximará da Terra no final de dezembro, indica o portal de rastreamento de asteroides da NASA.
Os pesquisadores da agência espacial norte-americana estimam que o corpo celeste tenha entre 84 e 190 metros de diâmetro, algo que o torna potencialmente tão potente como o asteroide que caiu próximo ao rio Podkamennaya Tunguska, na Sibéria em 1908 e resultou em uma explosão equivalente à liberação de 12 toneladas de TNT.
A NASA classificou o 2018 AH de objeto próximo da Terra, pertencente à categoria Apollo, que inclui os asteroides mais perigosos. Os asteroides Apollo têm órbitas que intersectam a órbita da Terra, colocando em perigo nosso planeta. No entanto, a agência afirma que é pouco provável que ele colida conosco.
Asteroide (imagem ilustrativa) - Sputnik Brasil, 1920, 10.10.2021
Pelo menos 4 asteroides de até 230 metros de diâmetro se aproximam da Terra a partir deste domingo
No entanto, se o 2018 AH mudar sua trajetória, o impacto teria consequências terríveis. Por exemplo, o meteoro de 17 metros de diâmetro que explodiu em 2013 sobre o céu de Chelyabinsk, Rússia, danificou mais de 7.000 prédios e resultou em US$ 33 milhões (R$ 185,12 milhões) de danos.
Em 2018 o asteroide 2018 AH passou a 296.758 km da Terra, menos que a distância entre nosso planeta e a Lua, mas sem ser noticiado na época devido à sua obscuridade. O 2018 AH será o maior asteroide conhecido a passar tão perto de nosso planeta desde o 2002 JE9, em 1971. O próximo corpo celeste a passar tão perto será o 2001 WN5, de quase um quilômetro de diâmetro, que voará nas proximidades da Terra em 2028.
Feed de notícias
0
Antigas primeiroRecentes primeiro
loader
Para participar da discussão
inicie sessão ou cadastre-se
loader
Bate-papos
Заголовок открываемого материала