Cadastro bem-sucedido!
Por favor, siga o link da mensagem enviada para
Membros da comitiva de uma delegação em frente da sede das Nações Unidas durante a 76ª sessão da Assembleia Geral da ONU em Nova York, 21 de setembro de 2021 - Sputnik Brasil, 1920, 09.11.2021
Panorama internacional
Notícias sobre eventos de todo o mundo. Siga informado sobre tudo o que se passa em diferentes regiões do planeta.

Ex-presidente da África do Sul que libertou Nelson Mandela morre aos 85 anos

© REUTERS / Mike HutchingsNelson Mandela e o ex-presidente FW de Klerk chegam para o Nobel da Paz
Nelson Mandela e o ex-presidente FW de Klerk chegam para o Nobel da Paz - Sputnik Brasil, 1920, 11.11.2021
Nos siga no
FW de Klerk liderou o país entre 1989 e 1994, em uma época em que a África do Sul enfrentou problemas de segregação racial.
Frederik Willem de Klerk, que foi o último presidente branco da África do Sul, morreu nesta quinta-feira (11) depois de uma longa batalha contra o câncer, segundo um porta-voz.
"O antigo presidente morreu no início da manhã na sua casa em Fresnaye depois de uma luta contra o câncer", afirmou fonte oficial da fundação Frederik Willem de Klerk, citada pelo News 24.
O ex-presidente tinha 85 anos e sofria de mesotelioma, um câncer que afeta os tecidos que cobrem alguns órgãos internos.
© AFP 2021 / Trevor SamsonF. W. De Klerk (ao centro) e Nelson Mandela (à direita)
F. W. De Klerk (ao centro) e Nelson Mandela (à direita) - Sputnik Brasil, 1920, 11.11.2021
F. W. De Klerk (ao centro) e Nelson Mandela (à direita)
Frederik de Klerk libertou Mandela da prisão, permitindo que o ativista assumisse a presidência do país em 1994.
O último presidente branco da África do Sul, FW de Klerk, ganhou o Nobel da Paz junto com Mandela e também foi seu vice-presidente entre 1994 e 1996.
Feed de notícias
0
Antigas primeiroRecentes primeiro
loader
AO VIVO
Заголовок открываемого материала
Para participar da discussão
inicie sessão ou cadastre-se
loader
Bate-papos
Заголовок открываемого материала