Cadastro bem-sucedido!
Por favor, siga o link da mensagem enviada para

Desenterrados na Turquia raros selos de 3.200 anos e artefatos de barro do Império Hitita (FOTOS)

CC BY-SA 2.0 / Bernard Gagnon / Porta dos Leões, Hattusa, Turquia
Porta dos Leões, Hattusa, Turquia - Sputnik Brasil, 1920, 04.11.2021
Nos siga no
Durante escavações, arqueólogos descobriram um selo de argila de uma mulher que ocupava importante cargo no Império Hitita na localidade da antiga cidade de Karkemish, situada na província de Gaziantep, no sudeste da Turquia.
A antiga cidade cujo nome atual é Karkamis era o centro administrativo mais importante na região do Império Hitita que governou durante séculos a península da Anatólia e a Mesopotâmia, escreve portal Daily Sabah. 
Durante escavações, a equipe liderada por Nicolo Marchetti, que é professor de arqueologia da Universidade de Bolonha, Itália, encontrou dezenas de selos de argila e impressões em uma estrutura chamada de "Casa dos Selos". Eles pertenciam aos mais altos funcionários públicos no Império Hitita e eram organizados em ordem por grau hierárquico dos empregados.
© Foto / Gaziantep Buyuksehir BelediyesiDurante escavações na "Casa dos Selos" na localidade da antiga cidade de Karkemish, na Turquia, arqueólogos descobriram raras impressões de selos de argila de uma funcionária administrativa do Império Hitita.
Durante escavações na Casa dos Selos na localidade da antiga cidade de Karkemish, na Turquia, arqueólogos descobriram raras impressões de selos de argila de uma funcionária administrativa do Império Hitita. - Sputnik Brasil
1/3
Durante escavações na "Casa dos Selos" na localidade da antiga cidade de Karkemish, na Turquia, arqueólogos descobriram raras impressões de selos de argila de uma funcionária administrativa do Império Hitita.
© Foto / Gaziantep Buyuksehir BelediyesiDurante escavações na "Casa dos Selos" na localidade da antiga cidade de Karkemish, na Turquia, arqueólogos descobriram raras impressões de selos de argila de uma funcionária administrativa do Império Hitita.
Durante escavações na Casa dos Selos na localidade da antiga cidade de Karkemish, na Turquia, arqueólogos descobriram raras impressões de selos de argila de uma funcionária administrativa do Império Hitita. - Sputnik Brasil
2/3
Durante escavações na "Casa dos Selos" na localidade da antiga cidade de Karkemish, na Turquia, arqueólogos descobriram raras impressões de selos de argila de uma funcionária administrativa do Império Hitita.
© Foto / Gaziantep Buyuksehir BelediyesiDurante escavações na "Casa dos Selos" na localidade da antiga cidade de Karkemish, na Turquia, arqueólogos descobriram raras impressões de selos de argila de uma funcionária administrativa do Império Hitita.
Durante escavações na Casa dos Selos na localidade da antiga cidade de Karkemish, na Turquia, arqueólogos descobriram raras impressões de selos de argila de uma funcionária administrativa do Império Hitita. - Sputnik Brasil
3/3
Durante escavações na "Casa dos Selos" na localidade da antiga cidade de Karkemish, na Turquia, arqueólogos descobriram raras impressões de selos de argila de uma funcionária administrativa do Império Hitita.
1/3
Durante escavações na "Casa dos Selos" na localidade da antiga cidade de Karkemish, na Turquia, arqueólogos descobriram raras impressões de selos de argila de uma funcionária administrativa do Império Hitita.
2/3
Durante escavações na "Casa dos Selos" na localidade da antiga cidade de Karkemish, na Turquia, arqueólogos descobriram raras impressões de selos de argila de uma funcionária administrativa do Império Hitita.
3/3
Durante escavações na "Casa dos Selos" na localidade da antiga cidade de Karkemish, na Turquia, arqueólogos descobriram raras impressões de selos de argila de uma funcionária administrativa do Império Hitita.
Pesquisadores determinaram que dois terços das impressões de selos hieroglíficos da Anatólia pertenciam a uma administradora chamada Matiya. O artefato data de 1225 a.C., ou seja, período definido como o fim da Idade do Bronze.
Espera-se que as novas descobertas esclareçam o papel das mulheres no governo estatal no Império Hitita.
Segundo comunicado do município metropolitano de Gaziantep, nas escavações foi desenterrado também um amuleto (bula) – uma esfera de barro oca, que continha impressões de selo que pertenciam a Piradu, um comerciante rico do Médio Império Assírio (1392 a.C.-934 a.C.).
Feed de notícias
0
Antigas primeiroRecentes primeiro
loader
AO VIVO
Заголовок открываемого материала
Para participar da discussão
inicie sessão ou cadastre-se
loader
Bate-papos
Заголовок открываемого материала