Cadastro bem-sucedido!
Por favor, siga o link da mensagem enviada para

Revista médica The Lancet publica estudo sobre segurança da vacina russa Sputnik Light

© Sputnik / Konstantin Morozov / Abrir o banco de imagensFuncionário da saúde enche ampola com vacina russa Sputnik Light contra a COVID-19 durante vacinação de militares no Distrito Militar Ocidental
Funcionário da saúde enche ampola com vacina russa Sputnik Light contra a COVID-19 durante vacinação de militares no Distrito Militar Ocidental - Sputnik Brasil, 1920, 03.11.2021
Nos siga no
A revista médica The Lancet acaba de publicar um estudo sobre a segurança da vacina Sputnik Light, de dose única, confirmando uma forte resposta imunológica após a vacinação.
De acordo com o Fundo Russo de Investimentos Diretos (RFPI, na sigla em russo), a revista The Lancet publicou um artigo do Centro Gamaleya sobre a segurança da vacina contra o coronavírus Sputnik Light de um componente.
"O Fundo Russo de Investimentos Diretos anuncia a publicação de um estudo do Centro Nacional de Pesquisa de Epidemiologia e Microbiologia Gamaleya, revisado por pares, sobre a vacina de um componente Sputnik Light contra o coronavírus na principal revista médica The Lancet, segundo o qual o medicamento mostrou alta segurança e formação de forte imunidade humoral e celular", conforme o comunicado do fundo.
O ensaio não randomizado confirmou que a vacina causa uma forte resposta imunológica tanto no grupo de pacientes que não tiveram COVID-19, como naqueles que foram infectados pelo vírus.
A maioria dos efeitos colaterais registrados foram leves ou moderados. Os cientistas não identificaram quaisquer eventos adversos indesejáveis graves.
Os estudos anteriores do Centro Gamaleya, baseados na imunização de 28 mil pessoas em Moscou com a vacina da Sputnik Light de uma dose, mostraram uma eficácia de 70% contra a cepa Delta do coronavírus nos três meses após a vacinação. Entre as pessoas com menos de 60 anos, a vacina tem uma eficácia superior a 75%.
Quando usada como dose de reforço para outras vacinas, a eficácia da Sputnik Light é mais de 83% contra a infecção e mais de 94% contra a hospitalização.
A Sputnik Light, de dose única, é uma vacina altamente eficaz tanto administrada sozinha como em combinação com outros imunizantes. A Sputnik Light é autorizada em mais de 15 países, com o processo de autorização em curso em outros 30.
Feed de notícias
0
Antigas primeiroRecentes primeiro
loader
AO VIVO
Заголовок открываемого материала
Para participar da discussão
inicie sessão ou cadastre-se
loader
Bate-papos
Заголовок открываемого материала