Cadastro bem-sucedido!
Por favor, siga o link da mensagem enviada para

Estátuas de deuses gregos de mais de 5 mil anos descobertas em cidade antiga na Turquia (FOTOS)

© Foto / Pixabay/wallnerEstatuas de deuses gregos (imagem referencial)
Estatuas de deuses gregos (imagem referencial) - Sputnik Brasil, 1920, 02.11.2021
Nos siga no
Cabeças de estátuas de duas divindades gregas, esculpidas há cinco mil anos, foram desenterradas em uma cidade antiga no oeste da Turquia, um dos primeiros pontos de trocas comerciais no mundo.
Ambas as cabeças são descritas como tendo uma "beleza deslumbrante", sendo que as partes da estátua encontradas pertencem à deusa grega do amor, Afrodite, e ao deus do vinho, Dionísio, segundo o tabloide Daily Mail.
Escavações anteriores revelaram ao mundo os corpos das estátuas em questão, mas suas cabeças só recentemente foram descobertas sob a cidade antiga de Aizanoi. Até agora, ainda não é claro por que as cabeças estavam separadas dos corpos das estátuas.
Cada cabeça foi detalhadamente esculpida em pedra calcária, medindo ambas cerca de meio metro de altura.
Estátuas de cabeças de divindades gregas encontradas em Aizanoi, na Turquia.
O coordenador das escavações, Gokhan Coskun, comentou que a descoberta das cabeças das divindades gregas "é um achado importante para nós, pois mostra que a cultura politeísta da Grécia existiu por muito tempo durante a era romana sem perder sua importância", disse ele citado pela matéria.
A cidade de Aizanoi foi descoberta pela primeira vez em 1824 por viajantes europeus, mas só em 1926 começaram as escavações no local.
Divindades gregas Afrodite e Dionísio em Aizanoi: dorso da deusa grega do amor de cinco mil anos encontrado na Turquia; Dionísio, 'deus do vinho' - cabeças de estátuas de antigas divindades gregas Afrodite e Dionísio desenterradas na cidade turca de Aizanoi.
No momento, os arqueólogos acreditam que a descoberta das cabeças em causa poderia indicar que na cidade antiga existia um lugar dedicado ao ensino da escultura artística.
Em agosto deste ano, o mesmo grupo de arqueólogos disse ter encontrado partes da estátua da deusa grega Hygieia, personificação da saúde, asseio e limpeza, e geralmente representada por uma mulher com uma serpente enrolada em seu pescoço e dorso, e com um cálice em sua cabeça.
Feed de notícias
0
Antigas primeiroRecentes primeiro
loader
Para participar da discussão
inicie sessão ou cadastre-se
loader
Bate-papos
Заголовок открываемого материала