Cadastro bem-sucedido!
Por favor, siga o link da mensagem enviada para

Putin no G20: é preciso abordar mudança climática de maneira abrangente considerando a economia

© Sputnik / Yevgeny Paulin / Abrir o banco de imagensPresidente russo Vladimir Putin discursa na Cúpula do G20 em formato de videoconferência, 31 de outubro de 2021
Presidente russo Vladimir Putin discursa na Cúpula do G20  em formato de videoconferência, 31 de outubro de 2021 - Sputnik Brasil, 1920, 31.10.2021
Nos siga no
Neste domingo (31), o presidente russo Vladimir Putin disse na Cúpula do G20, em formato de videoconferência, que é preciso abordar as alterações climáticas de maneira abrangente, considerando a economia e prosperidade dos cidadãos.
A Rússia cumpre todos seus compromissos de luta contra as mudanças climáticas e também implementa uma política para redução de emissões, declarou Vladimir Putin.
"Nós cumprimos todas nossas obrigações nos termos da Convenção-Quadro da ONU sobre a Mudança do Clima e do Acordo de Paris. Realizamos de maneira consequente uma política de redução das emissões líquidas de gases de efeito estufa", segundo Putin.
O presidente russo afirmou que a Rússia atingirá a neutralidade de carbono até 2060. A parcela de fontes livres de carbono na Rússia, levando em conta o uso de gás, é de cerca de 86%.
"Hoje, a parcela da energia de fontes praticamente livres de carbono, que, como nós sabemos, são as usinas nucleares, hidrelétricas, eólicas e solares, ultrapassa 40%, mas levando em conta o gás natural, o combustível de menor teor de carbono entre os hidrocarbonetos, essa parcela é de 86%", informou.
Putin disse que esse é um dos melhores indicadores no mundo. Segundo especialistas internacionais, a Rússia está entre os líderes do processo global de descarbonização, sublinhou.
© Sputnik / Yevgeny Paulin / Abrir o banco de imagensPresidente russo Vladimir Putin discursa na Cúpula do G20 em formato de videoconferência, 31 de outubro de 2021
Presidente russo Vladimir Putin discursa na Cúpula do G20  em formato de videoconferência, 31 de outubro de 2021 - Sputnik Brasil, 1920, 09.11.2021
Presidente russo Vladimir Putin discursa na Cúpula do G20 em formato de videoconferência, 31 de outubro de 2021
O líder russo destacou a necessidade de aumentar a absorção de gases de efeito estufa no mundo. A Rússia implementará novas tecnologias agrícolas e novos mecanismos para o uso das florestas.
Putin afirmou que a Rússia, tal como os outros países, sente as consequências do aquecimento global. O país está especialmente preocupado com o derretimento do permafrost.
As regras de regulação do clima devem ser baseadas em modelos comuns de contabilização e monitoramento das emissões de gases de efeito estufa.
Putin sublinhou que na luta contra as alterações climáticas é necessário ter em conta o desenvolvimento da economia e a prosperidade das pessoas.
"E o que é mais importante, é preciso abordar as questões da luta contra as mudanças climáticas de forma abrangente, em estreita relação com os passos dedicados a assegurar o crescimento econômico e, como os colegas já referiram, o bem-estar das pessoas”, acrescentou.
Os esforços da comunidade internacional devem se concentrar em projetos ambientais, conforme o presidente da Rússia.
Feed de notícias
0
Antigas primeiroRecentes primeiro
loader
AO VIVO
Заголовок открываемого материала
Para participar da discussão
inicie sessão ou cadastre-se
loader
Bate-papos
Заголовок открываемого материала