Cadastro bem-sucedido!
Por favor, siga o link da mensagem enviada para

Israel pretende reforçar sua defesa antiaérea ante crescente ameaça de drones do Irã

CC0 / Robert Sullivan / Israeli F-35 “Adir” receives fuelCaça F-35 da Força Aérea de Israel, conhecido como Adir, em 6 de dezembro de 2016 (imagem de arquivo)
Caça F-35 da Força Aérea de Israel, conhecido como Adir, em 6 de dezembro de 2016 (imagem de arquivo) - Sputnik Brasil, 1920, 27.10.2021
Nos siga no
As Forças de Defesa de Israel (FDI) estão trabalhando para aumentar significativamente suas defesas antiaéreas, particularmente no norte do país, ante a crescente ameaça de drones iranianos que vêm inundando o Oriente Médio nos últimos anos.
Em dois anos, as FDI pretendem ter uma cobertura defensiva completa e permanente sobre o espaço aéreo do norte de Israel, planejando, posteriormente, expandir essa defesa a todo o país, informa The Times of Israel.
Atualmente, a Força Aérea israelense, encarregada de defender o espaço aéreo do Estado judeu, possui vários sistemas fixos de defesa antiaérea em várias partes do país, que são complementados com baterias móveis nos tempos de elevada tensão, ou quando são esperados ataques.
As FDI se veem cada vez mais forçadas a enfrentar veículos aéreos não tripulados de grande e pequeno porte. Por outro lado, essa tecnologia também se tem tornado cada vez mais acessível para grupos terroristas.
© Foto / Twitter das Forças de Defesa de Israel Caças da Força Aérea de Israel e da Alemanha
Caças da Força Aérea de Israel e da Alemanha  - Sputnik Brasil, 1920, 09.11.2021
Caças da Força Aérea de Israel e da Alemanha
 
Contudo, combater ataques de drones é particularmente complicado, uma vez que esses aparelhos são mais difíceis de detectar do que aeronaves tripuladas comparativamente maiores, e voam a altitudes mais baixas e com padrões de voo menos previsíveis do que os foguetes, explica a matéria.
As autoridades israelenses apontam o suposto ataque devastador do Irã às instalações petrolíferas Aramco da Arábia Saudita, que foi conduzido com drones e mísseis de cruzeiro em 2019, como uma chamada de atenção para a gravidade da ameaça representada por essas armas.
Segundo The Times of Israel, parece que essa ameaça vem crescendo na região, pois a República Islâmica exportou drones para seus aliados houthis no Iêmen, para seus apoiadores na Síria e no Iraque e para o grupo libanês Hezbollah, que é considerado a principal ameaça militar pelas FDI. Alguns desses drones têm alcance de milhares de quilômetros e outros têm capacidade furtiva, que se suspeita o Irã teria roubado de alguns modelos norte-americanos de tais armas.
© AP Photo / Sepahnews via APNovo drone de combate e reconhecimento Gaza é exibido em um local não revelado no Irã
Novo drone de combate e reconhecimento Gaza é exibido em um local não revelado no Irã   - Sputnik Brasil, 1920, 09.11.2021
Novo drone de combate e reconhecimento Gaza é exibido em um local não revelado no Irã
No mês passado, o ministro da Defesa de Israel, Benny Gantz, revelou a localização de uma base aérea iraniana que, segundo ele, foi utilizada para treinar apoiadores regionais de Teerã para operarem drones avançados.
Para melhorar as capacidades dos militares em detectar drones, a Força Aérea de Israel está adquirindo antenas de radar adicionais para serem instaladas no norte do país, reportou a mídia.
A maior parte dos fundos para este esforço de segurança já foi alocada, sendo parte deles proveniente de um acordo negociado, no final de 2019, entre os ministérios da Defesa, da Energia e das Finanças.
Feed de notícias
0
Antigas primeiroRecentes primeiro
loader
AO VIVO
Заголовок открываемого материала
Para participar da discussão
inicie sessão ou cadastre-se
loader
Bate-papos
Заголовок открываемого материала