Cadastro bem-sucedido!
Por favor, siga o link da mensagem enviada para

'Narcotraficante mais terrível do mundo': capturado na Colômbia chefe do Clã do Golfo (VÍDEO)

© REUTERS / Forças Militares da ColômbiaDairo Antonio Úsuga David, vulgo Otoniel, chefe do Clã do Golfo posa para foto escoltado por soldados colombianos depois de ser capturado, Colômbia, 23 de outubro de 2021
Dairo Antonio Úsuga David, vulgo Otoniel, chefe do Clã do Golfo posa para foto escoltado por soldados colombianos depois de ser capturado, Colômbia, 23 de outubro de 2021 - Sputnik Brasil, 1920, 24.10.2021
Nos siga no
Foi capturado Dairo Antonio Úsuga David, vulgo Otoniel, o homem mais procurado da Colômbia, por quem a Administração de Fiscalização de Drogas dos EUA ofereceu US$ 5 milhões (R$ 28 milhões).
Neste sábado (23), as autoridades colombianas, no âmbito da Operação Osíris, no Urabá de Antioquia, confirmaram a captura do chefe do Clã do Golfo, Dairo Antonio Úsuga David, de 50 anos. O Clã do Golfo é considerado o maior grupo de narcotraficantes da Colômbia, segundo El Tiempo.
O presidente Iván Duque foi ao local de detenção, onde deu uma coletiva de imprensa, declarando que "o fim do Clã do Golfo está marcado".
O presidente destacou que é "o golpe mais duro que o narcotráfico sofreu neste século na Colômbia" e garantiu que a detenção de Otoniel é "comparável apenas com a queda de Pablo Escobar".
Duque afirmou que Otoniel "era o narcotraficante mais terrível do mundo; assassino de policiais, soldados, líderes sociais, além de recrutador de menores, também é conhecido por aquela demência que o levou a abusar repetidamente de crianças, meninas e adolescentes".

Operação Osiris

O presidente declarou que Otoniel foi capturado no âmbito da Operação Osiris. O general Luis Fernando Navarro, comandante-geral das Forças Militares da Colômbia, informou que seguiram o rastro de Otoniel por cerca de sete anos.
​Primeiras imagens de Otoniel capturado. Informações completas neste momento e detalhes inéditos da operação em Noticias RCN às 19h00 em nossa transmissão.
No entanto, em janeiro de 2021 "foi decidido mudar os ritmos" e foi desenvolvida uma nova estratégia para entender melhor as estruturas e a rede de apoio do criminoso.
A Operação Osiris foi realizada com mais de 500 homens das forças especiais do Exército e da Marinha, além de 22 helicópteros de apoio. Durante a execução da operação, os colombianos também tiveram o apoio de satélites de agências de inteligência dos Estados Unidos e do Reino Unido.
Há meses, o estado de saúde do chefe criminoso piorou devido a hipertensão, diabetes e problemas renais. De acordo com relatórios de inteligência, o chefe do Clã do Golfo não utilizava serviços tecnológicos como telefones celulares e se comunicava através de uma rede de correios humanos, conforme El Tiempo.
Contra Otoniel existem mais de 120 processos abertos por toda uma série de crimes e um aviso vermelho emitido pela Interpol por homicídio múltiplo agravado, sequestro múltiplo agravado, sequestro e conspiração para cometer um crime.
Feed de notícias
0
Antigas primeiroRecentes primeiro
loader
AO VIVO
Заголовок открываемого материала
Para participar da discussão
inicie sessão ou cadastre-se
loader
Bate-papos
Заголовок открываемого материала