Cadastro bem-sucedido!
Por favor, siga o link da mensagem enviada para

'Ambições desestabilizadoras': presidente do Kosovo afirma que vai expulsar 2 diplomatas russos

© AFP 2021 / ARMEND NIMANIPresidente de Kosovo, Vjosa Osmani, discursa durante sessão do Parlamento em Pristina. Foto de arquivo
Presidente de Kosovo, Vjosa Osmani, discursa durante sessão do Parlamento em Pristina. Foto de arquivo - Sputnik Brasil, 1920, 22.10.2021
Nos siga no
Nesta sexta-feira (22), a presidente do Estado autoproclamado do Kosovo, Vjosa Osmani, anunciou a decisão de expulsar dois diplomatas russos destacados em Pristina. A presidente afirma que Moscou "coloca em risco a segurança nacional".
O Ministério das Relações Exteriores do Kosovo declarou dois diplomatas russos destacados em Pristina como personae non-gratae para a missão diplomática na Sérvia, declarou Osmani.
"As estruturas do Kosovo estão decididas a lutar contra a influência nociva da Federação da Rússia e dos seus satélites na região, que trabalham para destruir as nossas conquistas e as dos EUA, OTAN [Organização do Tratado do Atlântico Norte] e UE [União Europeia]. Portanto, continuaremos a trabalhar em estreita colaboração com nossos aliados americanos e europeus para evitar que Kosovo e nossa região sejam vítimas das ambições desestabilizadoras da Rússia", escreveu a presidente em sua página no Facebook.
Osmani acrescentou que o Ministério das Relações Exteriores "notificou as instituições de aplicação da lei e autoridades relevantes" para implementar a decisão.
© REUTERS / Laura HasaniMembros da Força de Segurança do Kosovo (KSF, na sigla em inglês) participam de uma cerimônia antes de ser enviado para missão em Pristina, Kosovo, 9 de março de 2021
Membros da Força de Segurança do Kosovo (KSF, na sigla em inglês) participam de uma cerimônia antes de ser enviado para missão em Pristina, Kosovo, 9 de março de 2021 - Sputnik Brasil, 1920, 09.11.2021
Membros da Força de Segurança do Kosovo (KSF, na sigla em inglês) participam de uma cerimônia antes de ser enviado para missão em Pristina, Kosovo, 9 de março de 2021

Polícia do Kosovo é enviada para região com maioria sérvia

Na semana passada, oficiais das Forças Especiais do Kosovo foram enviados para a região de Mitrovica do Norte, com maioria étnica sérvia, enquanto os locais protestavam contra uma operação anticontrabando conduzida pelo Ministério do Interior do Kosovo.
Policiais locais usaram gás lacrimogêneo para dispersar a multidão, e os oficiais das Forças Especiais do Kosovo teriam sido despachados da parte sul da cidade.
De acordo com a polícia do Kosovo, a operação faz parte de uma investigação contra o contrabando de mercadorias e foi lançada em quatro regiões do Kosovo, incluindo Pristina, Peja, Mitrovica do Sul e Mitrovica do Norte.
A operação é realizada em coordenação com as autoridades competentes, o Ministério Público, os funcionários aduaneiros do Kosovo e diferentes unidades da polícia.
Feed de notícias
0
Antigas primeiroRecentes primeiro
loader
AO VIVO
Заголовок открываемого материала
Para participar da discussão
inicie sessão ou cadastre-se
loader
Bate-papos
Заголовок открываемого материала