Cadastro bem-sucedido!
Por favor, siga o link da mensagem enviada para

Nova variante AY.4.2 da Delta pode ser 10-15% mais contagiosa do que cepa indiana

© REUTERS / Dado RuvicTeste positivo à COVID-19 (imagem referencial)
Teste positivo à COVID-19 (imagem referencial) - Sputnik Brasil, 1920, 21.10.2021
Nos siga no
Ultimamente, casos da nova variante AY.4.2 da COVID-19, que deriva da cepa Delta, foram registados no Reino Unido, Estados Unidos, Israel, Europa e Rússia.
Nesta quarta-feira (20), o ministro da Saúde do Reino Unido, Sajid Javid, informou que uma nova variante da cepa Delta, a AY.4.2, está se espalhando pelo país.
"Esta nova variante está se espalhando agora e embora não haja razão para acreditar neste momento que a AY.4.2 represente uma ameaça maior, a próxima variante ou uma outra a seguir pode fazê-lo", afirmou Javid.
A variante AY.4.2 foi registrada pela primeira vez no Reino Unido em julho deste ano. A variante inclui várias novas mutações que afetam a proteína S, que o vírus SARS-CoV-2 usa para penetrar nas células, segundo BBC.
Os especialistas do Instituto Wellcome Sanger e do Instituto de Genética da Universidade College London, no Reino Unido, revelam que a nova variante AY.4.2 pode ser 10-15% mais contagiosa do que a cepa original Delta.
Se os dados forem confirmados, a variante pode se tornar a mais contagiosa desde o início da pandemia.
Os últimos dados mostram que a variante é responsável por cerca de 8% dos novos casos da COVID-19 no Reino Unido. O diretor do Instituto de Genética da Universidade College London, professor Francois Balloux, disse que devemos ser mais cuidadosos nesta fase.
Além do Reino Unido, os primeiros casos da nova cepa AY.4.2 foram registrados nos Estados Unidos, Israel e Rússia, entre outros países.
Feed de notícias
0
Antigas primeiroRecentes primeiro
loader
AO VIVO
Заголовок открываемого материала
Para participar da discussão
inicie sessão ou cadastre-se
loader
Bate-papos
Заголовок открываемого материала