Cadastro bem-sucedido!
Por favor, siga o link da mensagem enviada para

China converte caças J-6 em drones, segundo mídia (FOTOS)

CC BY 2.0 / Flickr.com / Jerry Gunner / Aeronave J-6, ou MiG-19 (imagem referencial)
Aeronave J-6, ou MiG-19 (imagem referencial) - Sputnik Brasil, 1920, 21.10.2021
Nos siga no
O Exército de Libertação Popular (ELP) da China mostrou fotos de aviões não tripulados que teriam sido "reciclados" a partir de antigos MiG-19 da URSS.
A China converteu caças dos anos 1950 retirados de serviço em drones, com fotos de satélite de duas de suas bases da costa leste perto de Taiwan mostrando um grande número destes aparelhos no local, informa na quarta-feira (20) o portal Defense News citando mídia chinesa.
Outras fotos, publicadas pelo Comando do Teatro Oriental do Exército de Libertação Popular (ELP) da China revelam dois Shenyang J-6 durante uma "cerimônia que marcou o início do ciclo de treinamento de uma brigada na segunda metade de 2021".
Por falar em J-6s, o Comando do Teatro Oriental liberou recentemente fotos mostrando uma conversão de aeronaves J-6 da Força Aérea do ELP em aeronaves não-tripuladas. Os números de série desfocados sugerem serviço ativo; pelo menos 50 podem ser vistas em imagens de setembro da [empresa de imagens] Planet Labs em uma de duas bases conhecidas por estarem operando o modelo
As imagens, que incluem uma foto de 15 de setembro à direita, exibem um aeródromo desconhecido, incluindo na foto à esquerda uma faixa que foi alterada digitalmente para retirar a identidade da brigada de treinamento, enquanto os números de série de cinco dígitos nos drones que identificariam a unidade a que pertencem também foram digitalmente desfocados.
Segundo o Defense News, as fotos apareceram pela primeira vez na conta da rede social Weibo do ELP.
A aeronave J-6 é uma cópia do interceptor soviético Mikoyan-Gurevich MiG-19. Ele voou pela primeira vez em 1952, e entrou em serviço oficial em 1955, sendo descomissionado da Força Aérea do ELP em 2010.
Apesar disso, "desde então, numerosos J-6 foram vistos em imagens de satélite de duas bases aéreas nas províncias costeiras da China, em frente a Taiwan", e relatos em 2013 já apontavam que as aeronaves seriam convertidas em aeronaves não tripuladas, escreve o Defense News.
A mídia norte-americana também referiu haver imagens de satélite do Google Earth mostrando J-6 se movimentando em uma base desconhecida em março de 2013, outubro de 2014, dezembro de 2018 e abril de 2020, sendo também vistos estacionados em diferentes partes das bases ao longo dos anos.
Toda esta informação indica que os aviões continuam em serviço ativo, de acordo com o portal.
Feed de notícias
0
Antigas primeiroRecentes primeiro
loader
AO VIVO
Заголовок открываемого материала
Para participar da discussão
inicie sessão ou cadastre-se
loader
Bate-papos
Заголовок открываемого материала